Pesquisar

Canais

Serviços

- Lucas Figueiredo/CBF
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Eliminatórias

Coutinho busca abraçar chance na seleção após bom início no Aston Villa

Folhapress
27 jan 2022 às 11:30
Continua depois da publicidade

Surpresa na última convocação do técnico Tite, Philippe Coutinho terá a chance de voltar a vestir a camisa da seleção brasileira após mais de um ano. Tentando retomar a sua melhor forma, o meia de 29 anos espera agarrar a oportunidade e permanecer em um grupo para o qual não vinha sendo chamado.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Continua depois da publicidade

Nesta quinta-feira (17), às 18h (de Brasília), ele deverá chegar a seu 63ª jogo pela equipe nacional. Fora dela desde outubro de 2020, retorna no embate com o Equador, em Quito, pelas Eliminatórias da opa do Mundo –o duelo será exibido pela Globo e pela SporTV.


Lembrado no início do torneio qualificatório para o Mundial do Qatar, Coutinho marcou na vitória por 5 a 0 sobre a Bolívia e foi titular também no triunfo por 4 a 2 sobre o Peru. Depois disso, não foi mais utilizado por Tite.


O carioca chegou a ser convocado no final de 2021, porque o treinador não pôde acionar jogadores que atuavam no Brasil, caso de Éverton Ribeiro. Nos jogos contra Colômbia e Argentina, porém, não saiu do banco de reservas.

Continua depois da publicidade


Agora, a situação é diferente. Animado por um bom começo no Aston Villa, da Inglaterra, o atleta voltou à seleção mais valorizado pelo comandante.


"O Coutinho é um jogador de armação e conclusão importantes. Ele que vem retomando seu melhor nível", afirmou Tite.


O período longe da seleção coincidiu com um momento de pouco prestígio no Barcelona. Ele chegou ao clube com grande expectativa, em 2018, depois de se destacar no Liverpool –clube pelo qual marcou 54 gols em 201 participações–, mas não apresentou o que era esperado.


Emprestado ao Bayern em 2019, retornou em 2020. Regressou sem se firmar como titular, embora estivesse no elenco campeão da Champions League, e novamente não empolgou na equipe catalã.


Buscando recuperar o prestígio que já teve e o futebol que já mostrou ser capaz de jogar, o brasileiro decidiu retornar à Inglaterra. Agora está no Aston Villa e é treinado por Steven Gerrard, seu companheiro nos tempos de Liverpool.


Foi anunciado pelo novo clube em 7 de janeiro de 2021 e anunciado por Tite no dia 13. Dois dias depois da convocação, estreou entrando no segundo tempo e marcando no empate por 2 a 2 com o Manchester United. No último dia 22, foi titular pela primeira vez e celebrou o triunfo por 1 a 0 sobre o Everton.


Lembrado por Tite novamente, a menos de um ano da Copa, Coutinho ganha valiosa chance para tentar buscar sua vaga no Qatar. O Brasil já está classificado, o que permitirá ao técnico promover testes e fazer ajustes até a convocação final.


Com ele, Tite deve escalar Alisson; Emerson Royal, Éder Militão, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Fred e Philippe Coutinho; Raphinha, Matheus Cunha e Vinicius Júnior.


Lucas Paquetá, que tem atuado como titular na armação, está suspenso do duelo com o Equador. Poderá retornar no jogo contra o Paraguai, na próxima terça (1º), em Belo Horizonte. Antes disso, o velho dono da posição tenta mostrar serviço.


Estádio: Rodrigo Paz Delgado, em Quito (EQU)
Horário: 18h (de Brasília) desta quinta-feira (27)
Transmissão: TV Globo e SporTV

Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade