Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Da federação inglesa

Lucas Paquetá nega acusações de manipulação relacionada a apostas

UOL/Folhapress
23 mai 2024 às 15:02
- Rafael Ribeiro/CBF
Publicidade
Publicidade

Lucas Paquetá se posicionou ante a acusação da Football Association (FA) -a federação inglesa- de envolvimento em manipulação relacionada a apostas.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Revitalização da região

Rio de Janeiro desapropria imóvel para construir estádio do Flamengo

Imagem de destaque
Show no Rock in Rio Lisboa

Camila Cabello confunde expressão de Cristiano Ronaldo com vaias

Imagem de destaque
Brasil

Vini Jr gosta de jogo grande e tem Copa América para virar chave na seleção

Imagem de destaque
Balanço

Para Abel, Palmeiras melhorou sem Endrick e cia., mas Dudu terá de remar

O brasileiro nega as acusações "na íntegra". Em texto publicado em seu perfil no Instagram, o meio-campista afirmou que lutará "com todas as forças" para se defender.

Publicidade


Paquetá alega ter cooperado com as investigações. O processo está em curso há nove meses, e nesta quinta (23) a FA decidiu transformá-lo em uma acusação formal.


LEIA O POSICIONAMENTO DE PAQUETÁ NA ÍNTEGRA

Publicidade


"Estou extremamente surpreso e chateado como o fato de a FA decidir me acusar. Cooperei com todas as etapas da investigação e forneci todas as informações que pude durante estes 9 meses. Nego as acusações na íntegra e lutarei com todas as minhas forças para limpar meu nome. Devido ao processo em andamento, não fornecerei mais comentários."


DO QUE PAQUETÁ É ACUSADO

Publicidade


O jogador é acusado de ter levado cartão amarelo de forma proposital para influenciar que "uma ou mais pessoas lucrassem com apostas". A informação foi comunicada pela FA nesta quinta.


Paquetá é acusado de agir de forma indevida em quatro partidas. São os duelos contra contra Leicester (2022), Aston Villa (2023), Leeds (2023) e Bournemouth (2023), todos válidos pelo Campeonato Inglês.


O meio-campista segue apto a jogar pelo clube e pela seleção brasileira mesmo acusado. O West Ham já encerrou seus compromissos nesta temporada. O Brasil disputará a Copa América em junho, e Paquetá apareceu na lista de convocados de Dorival Júnior. A CBF analisa o tema e deve se posicionar ainda nesta quinta.


Paquetá tem até 3 de junho para apresentar uma resposta à federação inglesa. A FA informou que não fará comentários adicionais sobre o assunto até a conclusão do caso.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade