Pesquisar

Canais

Serviços

Reta final

Para jogadores, seleção 'cresce no momento certo'

Agência Estado
13 jun 2009 às 15:38
Publicidade
Publicidade

Depois de mais uma vitória convincente na Copa das Confederações, neste domingo, sobre a rival Itália, os jogadores da seleção brasileira destacaram o crescimento da equipe durante o torneio que serve de preparação para a Copa do Mundo de 2010.

"Estamos crescendo na competição. Não podia ser melhor o resultado", afirmou Kaká, após a vitória por 3 a 0 sobre os italianos, eliminados do torneio. "Jogamos superbem, principalmente no primeiro tempo. No segundo tempo, seguramos mais a bola e jogamos no contra-ataque", comentou.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Eleito o melhor jogador da partida, o atacante Luís Fabiano também comemorou a reação da seleção, que iniciou a campanha com um triunfo apertado de 4 a 3 sobre o Egito. "Crescemos no momento certo. E espero que a gente chegue nessa final", disse. O Brasil vai enfrentar a anfitriã África do Sul, na quinta-feira, pela semifinal da Copa das Confederações.

Leia mais:

Imagem de destaque
Luciano Rodríguez

Agentes querem usar Palmeiras para turbinar carreira de 'novo Suárez'

Imagem de destaque
Velhos conhecidos

Flamengo agoniza antes de Tite rever Corinthians em papéis invertidos

Imagem de destaque
Solidariedade

Palmeiras doará para o Rio Grande do Sul renda de jogo contra o Athletico-PR

Imagem de destaque
Série C

Ávila fala de evolução no Londrina EC, mas se preocupa com campanha


O atacante também festejou os dois gols marcados neste domingo. Luís Fabiano se igualou aos espanhóis Fernando Torres e David Villa na briga pela artilharia, com três gols cada. "Gostaria de poder fazer cinco gols. Venho conseguindo cumprir esse objetivo. Mas o mais importante é a seleção vencer", ressaltou.

Outro destaque da seleção foi o volante Ramires, que mais uma vez entrou como titular da equipe. "Acho que é importante quando a gente entra e ajuda o time a vencer. Isso me deixa muito feliz", festejou o jogador, em sua segunda partida como titular. "Estou muito à vontade na seleção. Venho trabalhando muito e esperando uma oportunidade. Graças a Deus ganhei uma chance hoje", comemorou.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade