Pesquisar

Canais

Serviços

- Junior Vilarinho/Independente Sâo-Joseense
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
CAMPEONATO PARANAENSE

Parceria com Rafinha, ex-jogadores do LEC e 'segundo time de todos': conheça o São-Joseense, adversário do Londrina nesta quarta

Vinicius Guerra - Estagiário*
26 jan 2022 às 12:33
Continua depois da publicidade

O Londrina recebe nesta quarta-feira (26) o Independente São-Joseense, às 21h30, no estádio do Café. A partida, válida pela segunda rodada do Campeonato Paranaense, coloca frente a frente duas equipes que nunca se enfrentaram e têm trajetórias bem distintas na história da competição: enquanto o Tubarão é o atual campeão e já venceu cinco títulos do estadual, o São-Joseense disputa o campeonato pela primeira vez.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Fundado em maio de 2015 em São José dos Pinhais (Região Metropolitana de Curitiba), o Independente Futebol São-Joseense funciona no modelo de clube-empresa e é presidido por Kleiton Bacetto. À época da fundação, o presidente chegou a afirmar que a intenção não era concorrer com os torcedores de Athletico, Coritiba e Paraná, os grandes clubes da capital. Pelo contrário, o São-Joseense foi fundado para ser o "segundo time de todos". Ainda hoje, a #seunovosegundotime acompanha quase todas as postagens do perfil do clube no Instagram.

Continua depois da publicidade


Com menos de sete anos de história, pode-se dizer que o São-Joseense teve uma ascensão rápida no futebol paranaense. Estreou em competições oficiais na Terceira Divisão de 2016. Em 2017, foi campeão e garantiu o acesso para a Segundona. Após bater na trave algumas vezes, conseguiu um novo acesso em 2021: título da Segunda Divisão contra o União Beltrão, festa em São José dos Pinhais e a chance de disputar a elite do Campeonato Paranaense pela primeira vez.


Isso significa que o único jogo da equipe na história da elite paranaense foi no último domingo (23), quando recebeu o Azuriz no estádio do Pinhão. A partida terminou em 0x0, ou seja, a equipe de São José dos Pinhais ainda busca seu primeiro gol na competição. O Tubarão, por outro lado, venceu o Maringá FC de virada, por 2x1.


Porém, se engana quem pensa que não existem pontos em comum entre o tradicional Tubarão e o novato Independente. O auriazul tem como uma de suas maiores parceiras a empresa R13 Fussball, do lateral-direito Rafinha, atualmente no São Paulo e que jogou nas categorias de base do LEC. Nascido em Londrina, o lateral não só tem a função de investidor, mas também de embaixador do clube, ajudando na divulgação da marca.

Continua depois da publicidade


Além disso, o time do técnico Marcos Skavinski tem no elenco velhos conhecidos da torcida alviceleste, como o volante Júlio Pacato e os zagueiros Fernando Timbó e Dirceu. O último é um dos principais ídolos recentes do Londrina, tendo conquistado o Campeonato Paranaense de 2014 e a Copa da Pimeira Liga de 2017 com o Tubarão.


Para a temporada de 2022, a equipe ainda se reforçou com jogadores como Mateus Norton, volante revelado pelo Fluminense, e conseguiu a renovação de contrato com o lateral Ricardinho, de 37 anos, com passagem pelo Coritiba e pelo futebol europeu.


O elenco com jogadores experientes, no entanto, não é o único trunfo do Independente para a disputa do estadual. O estádio do Pinhão, com capacidade para cerca de 4 mil torcedores, chama atenção pela grama sintética padrão Fifa. Mantido pela Prefeitura de São José dos Pinhais, o campo é um dos únicos do certame com grama não-natural, o que pode trazer dificuldade para os adversários.


O objetivo do clube, além de garantir a permanência na Primeira Divisão, é lutar por uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. Mais do que isso, o Paranaense de 2022 serve para colocar de vez o nome do Independete São-Joseense na cabeça dos torcedores por todo o estado.


Confira as escalações prováveis para a partida desta quarta-feira, entre Londrina e São-Joseense:


LONDRINA

Matheus Nogueira; Rafael França, Augusto, Saimon e Eltinho; João Paulo, Jhonny Lucas e Mossoró; Marcelinho, Douglas Coutinho e Caprini. Técnico: Vinícius Eutrópio


SÃO-JOSEENSE

André Luiz; Léo Alaba, Júlio Vaz, Bruno Oliveira e Rael; Caio César, Júlio Pacato, Marcinho e Gabriel Honório; Kalil e Alisson Taddei. Técnico: Marcos Skavinski


Árbitro: David Herik Pinho

Local: Estádio do Café

Horário: 21h30


*Sob supervisão de Larissa Ayumi Sato.

Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade