Pesquisar

Canais

Serviços

Nova tentativa

Por que interesse do Flamengo em De La Cruz não deu certo antes e pode dar agora

Luiza Sá - UOL/Folhapress
16 nov 2023 às 15:00
- Divulgação
Publicidade
Publicidade

O Flamengo já começa a projetar a próxima temporada e um dos principais alvos é um jogador já conhecido. Depois de falhar na janela do meio do ano, o time rubro negro agora está mais confiante na possibilidade de contratar o meia De La Cruz, do River Plate.


Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade

O Flamengo planeja uma investida pesada para tirar o jogador do clube argentino, como revelado pelo colunista do UOL Mauro Cezar Pereira. Ele tem contrato até 2025, mas o clube brasileiro quer tê-lo no ano que vem.

Leia mais:

Imagem de destaque
Novidades

Após reformulação, revelações da base do Londrina EC ganham espaço

Imagem de destaque
4 anos e meio de prisão

Condenação de Daniel Alves é medida exemplar contra o machismo, diz vice-presidente da Espanha

Imagem de destaque
Relação não foi consentida

Daniel Alves: Ex-jogador é condenado a 4 anos e meio por estupro

Imagem de destaque
Momento de brilhar

Copa do Mundo Palhano: a experiência profissional que todo jogador amador sonhou um dia


O jogador já tinha interesse em vestir a camisa rubro-negra, mas os valores dificultaram uma negociação. Além disso, a classificação dos argentinos para a fase de mata-mata da Libertadores dificultou o negócio.

Publicidade


Com maior investimento e mudanças no time, o Flamengo espera abrir caixa para ter o meia. No meio do ano, o clube não achou razoável pagar o que o River Plate queria.


O QUE MUDOU

Publicidade


Quem dificulta e trava a transferência é o River. De La Cruz e o Liverpool, do Uruguai, detentor de uma fatia dos direitos, deram o aval ao Flamengo na época das primeiras conversas.

Publicidade


Os argentinos "sentaram na multa", como explicou Marcos Braz, vice-presidente de futebol do Flamengo, em julho. Eles queriam negociar apenas por 16 milhões de dólares (cerca de R$ 77,8 milhões) e com pagamento à vista. O clube não aceitou.


As condições não devem mudar, mas o Flamengo pode ser mais maleável do que estava em julho. A proposta na época foi de 8,5 milhões de dólares (R$ 41,3 milhões na cotação daquele momento).

Publicidade


Para a próxima temporada, o Flamengo projeta aumento nos investimentos, além da saída de jogadores. Alguns em fim de contrato, como Rodrigo Caio e Filipe Luís, não devem ficar, abrindo espaço na folha. Everton Ribeiro e David Luiz também não tiveram definição sobre o futuro.


O Flamengo já estabeleceu as primeiras prioridades e começa a mapear o mercado. De La Cruz nunca saiu de foco.

Publicidade


NECESSIDADE


Publicidade

O Flamengo identificou ainda no começo do ano a deficiência no meio-campo. Por esse motivo, a posição foi alvo de atenção no mercado.


Em dificuldades com De La Cruz, o Flamengo chegou a negociar com Claudinho, mas as conversas também não avançaram.


Arrascaeta acumulou problemas físicos durante a temporada, o que atrapalhou ainda mais um ano de altos e baixos do clube. Everton Ribeiro também não conseguiu substituí-lo bem.


Sem reposição, o Fla sofreu no setor de criação. Enquanto isso, De La Cruz jogou 38 jogos na temporada com 10 gols e quatro assistências. Arrascaeta, companheiro de seleção uruguaia, tem 50 partidas, 10 gols e 12 assistências. Everton Ribeiro fez 59 jogos, dois gols e sete assistências.


Internamente, o Flamengo entendeu que chegou o momento de ter mais mudanças no futebol. Alguns medalhões pararam de ter espaço e até saíram antes mesmo de dezembro, como Vidal e Marinho.


Tite escolheu não se "intrometer" neste sentido no primeiro momento, mas foi contratado também para liderar essa reformulação.


Imagem
Mais de 30 jogadores do Brasileirão estarão nesta Data Fifa; veja lista
O Campeonato Brasileiro terá uma pausa de 12 dias para a última Data Fifa do ano, mas quase 40 jogadores do Brasileirão foram convocados para representar suas respectivas seleções neste período.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade