Pesquisar

Canais

Serviços

Ângelo e Kaiky - Ivan Storti/Santos FC
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Veja os detalhes

Santos oferece preferência de joias e avança por acordo com o Barcelona

Lucas Musetti Perazolli - Folhapress
06 jan 2022 às 11:25
Continua depois da publicidade

O Santos está mais perto de fechar acordo com o Barcelona (ESP) por uma dívida de cerca de 3 milhões de euros (R$ 19,3 mi na cotação atual). A negociação já dura um ano.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

O débito teve origem na gestão Modesto Roma, em 2016, quando o Santos não avisou o Barça sobre a venda de Gabigol à Internazionale (ITA). Os catalães conseguiram a preferência do atual atacante do Flamengo em uma das cláusulas da compra do Neymar, em 2013.


O Santos não notificou o Barcelona e foi multado em 3 milhões de euros, como previa o contrato. O time alvinegro não pagou a dívida, e o caso foi parar no CAS (Corte Arbitral do Esporte), que deu causa aos espanhóis em dezembro de 2020.


Para se acertar com o Barcelona e impedir punições na Fifa, o Santos ofereceu parte do valor da dívida parcelado, além do direito de preferência do zagueiro Kaiky e do atacante Ângelo e, desta vez, se comprometeu a avisar o clube europeu se qualquer proposta pela dupla for aceita nos próximos anos. O Barça, então, teria a chance de igualar e levar um dos Meninos da Vila.

Continua depois da publicidade


Essa estratégia foi colocada em pauta pelo presidente Andres Rueda desde o início da conversa com o Barcelona, mas o Santos teve dificuldade de conversar com os espanhóis diante dos problemas políticos do clube. A negociação agora está mais fluída, e o clube da Vila Belmiro está confiante, tanto é que já avisou os empresários de Kaiky e Ângelo.


Os representantes das joias não se opuseram, até porque o direito de preferência é apenas uma forma do Barcelona não ser surpreendido com uma venda no futuro para outro gigante da Europa. Kaiky e Ângelo são destaques desde a base, se consolidaram no elenco profissional e são os maiores ativos financeiros do Santos no momento.


Kaiky tem 17 anos e contrato até novembro de 2023 -o Santos, inclusive, já negocia a renovação. Ângelo, também de 17, estendeu o vínculo recentemente até 10 de dezembro de 2024.

Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo