Pesquisar

Canais

Serviços

Reprodução/Facebook
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Crise

Situação e oposição pedem saída de Sylvinho, mas Corinthians mantém apoio

Yago Rudá - Folhapress
19 nov 2021 às 10:24
Continua depois da publicidade

A pressão sobre Sylvinho voltou a crescer no Corinthians. Motivados pelas derrotas diante do Atlético-MG (3 a 0) e para o time reserva do Flamengo (1 a 0), membros dos grupos de situação e oposição no clube pedem a saída do treinador. A diretoria, no entanto, não cogita fazer qualquer mudança na comissão técnica nesta reta final do Campeonato Brasileiro.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

Há o entendimento de que o Corinthians está perdendo tempo com Sylvinho no comando da equipe e que o treinador não tem encontrado soluções para os problemas táticos do time. Com a iminência da conquista de uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores e a importância do torneio continental, os bastidores do clube voltam a ficar agitados.


A reportagem conversou com pessoas ligadas à política do Alvinegro e ouviu as mesmas críticas tanto de membros da situação -grupo que apoia o presidente Duilio Monteiro Alves -como de membros da oposição. Importante ressaltar que a movimentação dos conselheiros pedindo a saída de Sylvinho não é unânime em nenhum dos grupos.


Apesar da pressão, a diretoria de futebol mantém o apoio ao treinador e aos membros de sua comissão técnica e garante que não fará mudanças. O Corinthians está focado na reta final do Brasileirão e busca a vaga direta na fase de grupos da Libertadores 2022. Além disso, o clube tem ambição de assumir a quarta posição, atualmente com o Red Bull Bragantino, para garantir premiação maior ao fim da Série A.

Continua depois da publicidade


As críticas ao trabalho de Sylvinho não são novidade no Corinthians. Na última reunião do Conselho Deliberativo, o presidente Duilio Monteiro Alves foi questionado sobre o tema. A Gaviões da Fiel, principal organizada do clube, também já pediu publicamente a demissão e nas redes sociais as críticas são cada vez maiores. Ontem (18), a filha do treinador gravou vídeo rebatendo os xingamentos recebidos por ela e também por seu irmão menor de idade.


O contrato de Sylvinho com o Corinthians é válido até o fim de dezembro de 2022 e a tendência é de que o treinador comande a equipe na Libertadores do ano que vem, caso o clube venha a concretizar sua classificação na competição continental.

Veja mais vídeos sobre esportes

Continue lendo