Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Após denúncias

Textor consegue decisão favorável no STJD e freia pagamento de multa

Igor Siqueira - UOL/Folhapress
22 mai 2024 às 10:15
- Divulgação/Botafogo TV
Publicidade
Publicidade

Dono da SAF Botafogo, John Textor conseguiu uma decisão favorável no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) que envolve a apresentação de provas ou indícios a respeito da acusação de manipulação de jogos do Brasileirão.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Atuação nos anos 80

Corinthians lamenta morte de ex-goleiro César

Imagem de destaque
Dona Celeste Arantes

Morre em Santos, mãe de Pelé, aos 101 anos

Imagem de destaque
Quase saiu

Dudu vê indiferença e apoio tímido em reencontro após novela no Palmeiras

Imagem de destaque

Saiba quais são as contratações mais caras do Palmeiras

A defesa de Textor entrou com recurso e conseguiu efeito suspensivo do pagamento de multa de R$ 60 mil. O valor é fruto de uma condenação com base no artigo 220-A do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), que prevê punição a quem deixa de colaborar com o tribunal.

Publicidade


A decisão pró-Textor ainda foi além: suspendeu o processo, a pedido dos advogados do dirigente, até que seja concluído um outro inquérito, segundo a reportagem apurou.


Esse inquérito foi aberto a pedido do Textor e envolve os relatórios da Good Game e as alegações feitas pelo dirigente alvinegro.

Publicidade


A suspensão do processo tira, por ora, o assunto Textor da pauta do Pleno do STJD. Ele fora condenado em primeira instância e a atitude dele seria avaliada em segunda instância.


A decisão da suspensão foi do auditor Luiz Felipe Bulus, relator do caso no Pleno.

Publicidade


Na decisão desta segunda-feira (20), Bulus disse que "há estreito relacionamento entre os dois procedimentos", referindo-se ao processo contra Textor e o inquérito.


Textor, por enquanto, continua suspenso, mas em razão de outro processo. Ele foi punido porque disse que havia corrupção, depois da virada que o Botafogo levou do Palmeiras, no Brasileirão do ano passado.


Já a multa que ele recebeu foi por não entregar, de início, o áudio que disse ter sobre um ex-árbitro da quarta divisão do Rio reclamando de não ter as propinas pagas.


Quando o inquérito acabar e o assunto voltar ao Pleno, Textor pode até ter a pena aumentada, já que a procuradoria recorreu por achar pouco que ele tenha sido só multado.


Imagem
Globo produz documentário sobre máfia do apito, maior escândalo do futebol brasileiro
A Globo e a produtora Feel The Match, de Bruno Maia, ex-vice-presidente de marketing do Vasco, estão tocando um documentário sobre a "Máfia do Apito". O caso é até hoje considerado o maior escândalo de arbitragem e manipulação de resultados.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade