Pesquisar

Canais

Serviços

- Fábio Teódulo
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Abobrinha Recheada

Convincente

Chef Taico
27 jun 2018 às 11:03
Continua depois da publicidade

Não era tarefa das mais fáceis...
Entre pitos, castigos e às vezes uma orelha avermelhada que curava qualquer birra, quando à mesa não podíamos escolher.
Os pratos eram servidos e devíamos consumir seu conteúdo até o fim sem maiores questionamentos...
Apenas para que soubéssemos do que se tratava depois de todos instalados em seus lugares havia uma explicação rápida sobre o produto e seus benefícios.
Eu que sempre tive "boca boa", consumia com prazer e muito apetite as iguarias preparadas por minha mãe ou minha avó.
Aliás, foi minha avó quem me ensinou: "Toda comida tem seu ponto", e no ponto correto tudo ficava muito bom.
E como variavam os pontos: crocante, macio, AL dente, sequinho, mal passado, torradinho, soltinho, derretendo e por aí afora...
Mas, havia aqueles que sofriam e muito. Engasgavam, choravam, emburravam e emudeciam por horas na cadeira com o prato na frente.
Graças a eles as cozinheiras ficavam muito mais criativas, pois seu amor e generosidade não permitiam que fossem algozes todos os dias.
Bendito o recheio.
Variava muito: queijos, lingüiças, presunto, carne moída, sobras de pão, ervas, arroz, cebolas, alho, tomates e muitos outros temperos e ingredientes que bem misturados, refogados e ponderadamente temperados ficavam deliciosos.
Desta forma recheavam os mais diversos legumes: berinjelas, pimentões, folhas de repolho e com maior freqüência as abobrinhas pela sua fartura.
Bem recheadas, regadas com azeite e douradas ao forno, vinham ao prato fatiadas, com o queijo derretendo e as ervas perfumando e assim agradavam aos mais exigentes paladares e acalmando a refeição.
Mãos maravilhosas, Santa competência, pratos convincentes.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Clique aqui e confira a matéria completa!


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade