Pesquisar

Canais

Serviços

- Pixabay
Saiba quem pode agendar

Londrina libera agendamento da vacinação contra o coronavírus para novos grupos

Redação Bonde com assessoria de imprensa
07 jun 2021 às 17:32
Continua depois da publicidade


A Prefeitura de Londrina, por meio da SMS (Secretaria Municipal de Saúde), liberou o agendamento da vacina contra a Covid-19 para a população geral, entre 55 e 59 anos, assim como professores e trabalhadores da educação, a partir de 30 anos. De acordo com a SMS, 14 mil londrinenses entre 55 e 59 anos já tiveram seus cadastros eletrônicos validados, enquanto os profissionais atuantes no ensino básico, fundamental, médio, profissionalizante e EJA (Educação de Jovens e Adultos) somam 4 mil pessoas.

Continua depois da publicidade

Quem estiver nesses grupos deve agendar uma data e horário para a aplicação da dose, por meio do Portal da Prefeitura. A vacinação contra o novo coronavírus está sendo realizada em cinco locais: o Centro de Imunização, que funciona junto ao Centro de Convivência do Idoso – Norte (R. Luiz Brugin, 570, Conjunto Maria Cecília); UBS Jardim do Sol (R. Via Láctea, 877); UBS Eldorado (R. Tertuliano, 800); UBS Ouro Branco (R. Flor dos Alpes, 570); e UBS Alvorada (Av. Poços de Caldas, 85). Todas as unidades atendem de segunda-feira a sábado, das 7h30 às 19h30. É importante lembrar que os cidadãos entre 55 e 59 anos devem apresentar um comprovante de residência no ato da vacinação.

Continua depois da publicidade


O secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, estimulou os públicos-alvo contemplados nessa etapa a fazerem seu cadastro e comparecem às salas de vacinação. "A vacina é um elemento essencial na luta contra o coronavírus, e nossas equipes estão dando o seu melhor para que a população de Londrina seja imunizada rapidamente. É preciso ter em mente, porém, que todos nós precisamos seguir mantendo o distanciamento social, usando máscaras de proteção e higienizando as mãos com álcool em gel. Essas atitudes também ajudarão a vencer a pandemia”, disse.

Além destes públicos novos, continuam podendo agendar a vacina pessoas com comorbidade acima de 18 anos; integrantes das forças de segurança e salvamento; trabalhadores da área de assistência social; aeroportuários e profissionais da saúde com registros ativos em conselhos de classe.

Continua depois da publicidade


Continue lendo