12/04/21
PUBLICIDADE
Nova estratégia

Ministro diz a prefeitos que não precisam reservar 2ª dose e irá antecipar vacina de professores

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência <a href='/tags/brasil/' rel='noreferrer' target='_blank'>Brasil</a>


O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse a prefeitos nesta sexta-feira (19) que a pasta deve alterar a estratégia de vacinação contra a Covid-19.


A partir de agora, cidades não precisam mais reservar a segunda dose da vacina para ser aplicada. A justificativa é que já há maior garantia de produção.

A informação foi divulgada pela Frente Nacional dos Prefeitos, que pediu a reunião com o ministro.

"Agora, a partir do dia 23, com a chegada de 4,7 milhões de novas vacinas, a imunização será em 4,7 milhões de brasileiros, não a metade, como estava acontecendo até então", informou a frente.

No encontro, Pazuello também disse que deve alterar cronograma para vacinar professores mais cedo. A expectativa é que isso ocorra até março.
Natália Cancian - Folhapress
Continue lendo
Boletim diário

Londrina acumula 1.082 óbitos pela Covid-19 e 48.147 casos

11 ABR 2021 às 21h09
Boletim diário

Maringá tem 847 mortes e 39.487 casos de Covid-19

10 ABR 2021 às 19h00
13.779 casos

Com morte de gestante de 27 anos, Arapongas chega a 316 óbitos causados pelo novo coronavírus

10 ABR 2021 às 18h30
48.027 confirmados

Com mais 11 óbitos, Londrina atinge 1.076 em decorrência da Covid-19

10 ABR 2021 às 17h34
Ações amplas necessárias

Brasil não vai conseguir domar pandemia só com vacina, aponta OMS

10 ABR 2021 às 16h34
Boletim da saúde

Paraná tem 876.064 casos confirmados e 18.875 mortes por Covid-19

10 ABR 2021 às 16h06
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados