Pesquisar

Canais

Serviços

Alex Koch/Pexels
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Detectam Covid

Populares no exterior, autotestes são proibidos no Brasil

Daniel Muniz - Especial para a FOLHA
10 jan 2022 às 10:40
Continua depois da publicidade

Popular em países da Europa, Ásia e nos Estados Unidos, os autotestes caseiros de Covid-19 se tornaram uma alternativa acessível e popular para um diagnóstico inicial, especialmente no período de festas de fim de ano. No Brasil, entretanto, esse tipo de testagem é proibido por uma resolução de 2015 da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Essa mesma resolução diz que a proibição pode ser “afastada pela Diretoria Colegiada”, conforme estratégias e políticas públicas instituídas pelo ministério da Saúde. Isso já ocorreu em 2016, quando os autotestes de HIV foram autorizados e hoje são comercializados em farmácias, além de serem distribuídos gratuitamente pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


De acordo com dados do portal Our World In Data, ligado à Universidade de Oxford, no Reino Unido, o Brasil atualmente faz apenas 0,23 testes por 1 mil habitantes, índice menor que em lugares como Alemanha (2,61), Argentina (2,15) e Estados Unidos (3,96). Esse número atingiu seu pico no começo de outubro de 2021, quando o país chegou a 2,51 testes por mil pessoas.


Saiba mais sobre o assunto na Folha de Londrina.

Continue lendo