26/11/20
PUBLICIDADE
Dia D

UBS funcionam até as 17h para multivacinação e saúde da mulher

Cristine Rochol/PMPA/Fotos Públicas
Cristine Rochol/PMPA/Fotos Públicas


A Secretaria Municipal de Saúde promove, neste sábado (17), o Dia D. Diversas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) estarão abertas até às 17h para promover ações voltadas à saúde da mulher, incluindo a realização de exames de Citologia Oncótica (CO), avaliação clínica das mamas, agendamento de mamografia, além de vacinação, das campanhas contra poliomielite e multivacinação, voltadas a crianças e adolescentes.


Estarão abertas as UBSs da zona urbana, exceto as que são referência para síndromes respiratórias (Guanabara, Chef Newton, Maria Cecília, Bandeirantes, Ouro Branco, Vila Ricardo e Jardim do Sol) e as que estão com o atendimento suspenso (Vila Brasil, Ideal e Marabá).

Na zona rural, duas unidades de saúde também vão participar do Dia D. São elas: as UBSs dos distritos de Guaravera e de Lerroville.

Para ser atendido no Dia D é necessário agendar um horário na UBS de referência, por telefone. A lista das unidades, endereços e telefones está disponível no Portal da Prefeitura (clique aqui). Os agendamentos serão mais espaçados, a fim de evitar aglomerações, devido à pandemia viral, e permitir tempo hábil para a desinfecção das salas entre os atendimentos, garantindo mais segurança para as usuárias e servidores.

Vacinação


Neste sábado, os 399 municípios do Paraná promovem o Dia D de Mobilização Nacional de Vacinação.

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite é voltada para crianças de 12 meses a menores de cinco anos. Já a de multivacinação objetiva atualizar a carteira vacinal de crianças e adolescentes de até 15 anos. O município de Londrina espera vacinar 26.264 crianças contra poliomielite e campanha de multivacinação pretende atingir 107.816 pessoas.

Saúde da mulher

No Dia D, além da realização de exame preventivo de colo do útero, avaliação das mamas e agendamento de mamografia, os profissionais de saúde farão uma avaliação completa da mulher. Eles darão orientações e, sempre que necessário, farão os encaminhamentos para atendimentos com outros profissionais, como nutricionistas e psicólogos e solicitarão exames laboratoriais, como o de sangue e a ultrassonografia.

O Ministério da Saúde preconiza a realização da mamografia para mulheres entre 50 e 69 anos e o preventivo de colo uterino para as de 25 a 64 anos. Contudo, independente da faixa etária, se a mulher tiver alguma queixa, ela pode procurar o serviço de saúde para ser avaliada.

A ação faz parte do Outubro Rosa, campanha de conscientização que visa alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e, mais recentemente, sobre o câncer de colo do útero. O principal objetivo é conscientizar as mulheres a buscar o atendimento em saúde.
N.Com
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
Boletim da Sesa

Paraná ultrapassa 266 mil casos confirmados de Covid-19

26 NOV 2020 às 18h37
Boletim diário

Com mais 137 casos, Londrina acumula 14.699 diagnósticos de Covid-19

26 NOV 2020 às 18h11
Boletim da pandemia

Maringá registra 209 casos e quatro mortes por Covid-19 nesta quinta

26 NOV 2020 às 18h02
Saiba mais

Saúde abre inscrições para teste seletivo nesta quinta

26 NOV 2020 às 17h24
Levantamento

Covid-19: pesquisa aponta queda nos serviços de radioterapia no país

26 NOV 2020 às 14h11
Entenda!

Apagão de dados prejudica medir exatamente quanto a Covid-19 acelerou em São Paulo

26 NOV 2020 às 10h29
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados