01/06/20
25º/14ºLONDRINA
PUBLICIDADE
|
Atenção!

UBS's da zona rural estarão abertas no sábado para vacinação

Para bloquear a disseminação do vírus causador da febre amarela, a Secretaria Municipal de Saúde fará, neste sábado (9), uma ação intensificada de vacinação na zona rural. Das 8 às 17 horas, as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) dos distritos Warta, Irerê, Guaravera, São Luiz, Lerroville, e dos Patrimônios Três Bocas e Selva permanecerão abertas apenas para vacinar os moradores da região, na faixa etária de 9 meses a 60 anos. Ao mesmo tempo, equipes de saúde destas unidades irão percorrer as localidades, para vacinar os pacientes nas residências.

Divulgação/N.com
Divulgação/N.com


Esta iniciativa é uma segunda fase da ação realizada em 3 de agosto, também na zona rural de Londrina. Na época, 11 UBSs localizadas nos distritos e patrimônios rurais de Londrina ficaram abertas, e também houve visita em sítios, chácaras e residências mais afastadas. Foram verificadas 1.800 carteirinhas de vacinação, e aplicadas 650 doses da vacina.

A diretora de Vigilância em Saúde do Município, Sônia Fernandes, explicou que esta segunda fase não vai abranger as UBSs do Patrimônio Regina, Guairacá, Maravilha e Paiquerê, pois já concluíram as vacinações nas comunidades durante a atividade de agosto. "Nas demais, acontece a vacinação na própria unidade, enquanto equipes visitam os sítios e fazendas, dando continuidade ao trabalho que iniciou na primeira ação”, frisou.

No estado do Paraná, de 1º de julho a 21 de outubro deste ano, houve 24 notificações para febre amarela. Porém, no período epidemiológico anterior, referente a 1º de julho de 2018 a 1º de julho de 2019, foram 17 casos confirmados e um óbito pela doença.

A prevenção mais eficaz contra a febre amarela é a vacina. Com apenas uma dose, já se garante a proteção para a vida toda. Causada por vírus, a doença é transmitida somente pela picada de mosquitos contaminados. Esses insetos que transmitem a forma silvestre da febre amarela são encontrados em áreas silvestres e de mata, por isso as ações preventivas focam nas zonas rurais.

A aplicação da vacina também é recomendada 10 dias antes de viagem aos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Tocantins, Santa Catarina e São Paulo.
Redação Bonde com N.Com
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
Confira!
Brasil entra em rede global de produção de vacinas contra Covid-19
01/06/2020 16:35
Confira!
Brasil ainda não chegou ao pior da pandemia, diz OMS
01/06/2020 15:13
Convalidação
Teste seletivo da saúde em Londrina publica novos editais
01/06/2020 14:30
Saiba mais
Covid-19: Família de Arapongas testa positivo após festa de Dia das Mães
01/06/2020 14:07
Até dia 30 de junho
Vacinação da gripe é prorrogada para público de todas as fases da campanha
01/06/2020 10:34
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados