Pesquisar

Canais

Serviços

Existem instrumentos específicos para identificar as causas da dependência em cada pessoa, explica especialista. - Reprodução
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Cigarro amigo

A dependência do fumo tem causas psicológicas?

Sua saúde - Folha de Londrina
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Um dos motivos que levam o fumante a não conseguir parar de fumar é a nicotino-dependência, ou seja, a nicotina atua de uma forma específica no cérebro, fazendo com que o dependente de nicotina tenha uma sensação de prazer, aumento de rendimento e redução da ansiedade. Outro motivo são os significados ou funções que o ato de fumar tem na vida da pessoa. Muitos fumantes têm na nicotina uma sensação de aconchego, relaxamento e amparo, além do cigarro também ser uma forma de lidar com a solidão ou estimular a criatividade.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Existem instrumentos específicos para identificar as causas da dependência em cada pessoa, aplicados por psicólogos, médicos, enfermeiros e demais profissionais capacitados. Quando é detectado que a dependência da nicotina está ligada a questões psicológicas, a psicoterapia torna-se uma aliada importante na sua superação. O paciente realiza junto com o psicólogo um histórico para identificar características de personalidade e do uso do tabaco. Logo depois, são aplicados instrumentos para verificar o grau e o tipo de dependência, assim como o nível de motivação para parar de fumar. Muitas vezes, a pessoa está em conflito entre o desejo de parar e a vontade de continuar fumando. Torna-se necessário, antes de iniciar o tratamento, eliminar as crenças negativas ou decisões limitantes, aprender a lidar com as tensões e ansiedades e fortalecer emocionalmente o paciente.

Continua depois da publicidade

Janice Ornieski, psicóloga, de Curitiba


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade