Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Caso Yoki

Em carta, Elize diz que se arrepende do crime

Agência Estado
25 jun 2012 às 13:46
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Um ato impensado. Foi assim que Elize Matsunaga, de 30 anos, definiu o assassinato e esquartejamento do marido Marcos Matsunaga, em carta escrita na cadeia e divulgada ontem pelo Fantástico, da TV Globo.

Ré confessa dos crimes, praticados em maio, ela diz que viveu um "conto de fadas às avessas". Disse ainda que o marido a humilhava e chegou ao ponto de ameaçá-la de morte.

Cadastre-se em nossa newsletter

A defesa dele nega as afirmações e o Ministério Público diz que Elize matou por dinheiro. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade