Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Melhor que 2022

Fecomércio aponta que 81% dos paranaenses devem presentear parentes e amigos no Natal

Simoni Saris - Grupo Folha de Londrina
04 dez 2023 às 19:00
- Roberto Dziura Jr/AEN
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Data comemorativa mais aguardada pelos varejistas, o Natal de 2023 promete ser bem melhor do que o do ano passado, ao menos para os lojistas paranaenses. Uma sondagem realizada pela Fecomércio PR em conjunto com o Sebrae/PR apontou que 81,3% dos consumidores pretendem presentear parentes ou amigos neste final de ano. O percentual está acima dos 78,8% registrados em 2022 e o valor do tíquete médio também subiu de um ano para o outro, de R$ 322,36 para R$ 337,96, alta de 4,8%.


Os resultados do estudo animam os lojistas que registraram vendas abaixo do esperado nas principais datas do varejo no primeiro semestre deste ano. Segundo o levantamento, a maioria dos paranaenses, um total de 83,6% de consumidores, irá comprar presentes para até cinco pessoas. Outros 13,4% incluíram na lista entre seis e dez pessoas e 3% deverão presentear acima de dez entes queridos.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


“A principal data do varejo nacional promete ter um bom desempenho para os comerciantes paranaenses. A intenção de presentear no Natal cresceu em relação ao ano passado, bem como o tíquete médio. A compra pela internet se iguala pela primeira vez ao comércio de rua na série histórica da pesquisa, e a compra em shoppings também se destaca comparativamente ao levantamento anterior”, destacou o coordenador de Desenvolvimento Empresarial da Fecomércio PR, Rodrigo Schmidt.

Leia mais:

Imagem de destaque
Muito caro

Azeite vira artigo de luxo e ganha lacres antifurto em supermercados

Imagem de destaque
Dá tempo!

Mega-Sena sorteia prêmio acumulado em R$ 56 milhões neste sábado

Imagem de destaque
Galpão na Fazendinha

Com alimentos saudáveis e sem conservantes, agricultores familiares marcam presença na ExpoLondrina

Imagem de destaque
Confira o calendário

Abono do PIS/Pasep será pago nesta segunda para nascidos em março e abril


As lojas do centro da cidade foram apontadas como o local preferido para fazer compras por 21,9% dos paranaenses ouvidos na pesquisa. As lojas de bairro foram citadas por 24,6%. Somadas, totalizam 46,5%, mesmo percentual das compras pela internet. Os shoppings vêm logo na sequência, com 44,8%.

Publicidade


Quanto a forma de pagamento, a maioria (67,2%) pretendem pagar à vista e 32,8% devem parcelar ou deixar para o vencimento do cartão de crédito.


Os itens de vestuário estão no topo da lista de presentes dos consumidores, com 57,5%. Os brinquedos devem corresponder a 42,8% das preferências, seguidos por perfumes e cosméticos (19,1%).


Com tanta disposição dos consumidores para irem às compras, o coordenador de Mercado Empresarial, Comércio e Varejo do Sebrae/PR, Luiz Antonio Rolim de Moura sugere que os lojistas pensem em facilitações que os aproximem dos clientes. “A utilização de tecnologias para tornar o pagamento mais prático, por exemplo, além de uma lógica de sugestões de produtos, promoções pensadas de acordo com o perfil do consumidor e, claro, com uma ampla divulgação nos canais de contato que têm com o seu público, como redes sociais e WhatsApp.”


33% dos brasileiros devem ignorar as dívidas e ir às compras - CONTINUE LENDO NA FOLHA DE LONDRINA:

Imagem
81% dos paranaenses devem presentear no Natal, aponta Fecomércio
Índice está acima do registrado no Natal de 2022 e tíquete médio também aumentou, para R$ 337,96
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade