Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Movimento abaixo do esperado

Lojistas de Londrina se reinventam para garantir vendas na Páscoa

Jéssica Sabbadini - Especial para a Folha
30 mar 2024 às 15:15
- Jéssica Sabbadini
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Não tem como negar, a Páscoa combina com almoço em família e, claro, com aquele chocolate. Seja em formato de ovo, barra ou bombom, o importante é aproveitar o doce. Na manhã deste sábado (30), véspera de Páscoa, muitas pessoas aproveitaram para comprar mimos para amigos e familiares. 


Para os lojistas, o movimento é muito bem vindo, ainda mais com as vendas abaixo do esperado em 2024. Para contornar o cenário, a solução encontrada tem sido trazer opções diferenciadas de cestas para atrair os clientes.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Um dos responsáveis por uma loja de doces e artigos para festas na região central de Londrina, que preferiu não se identificar, explica que, para este ano, eles trouxeram algumas opções diferentes de presentes para a Páscoa. 

Leia mais:

Imagem de destaque
Evolução do estado

Paraná tem a quarta menor desigualdade de renda do Brasil, aponta pesquisa do IBGE

Imagem de destaque
Aquecimento global

Mudanças climáticas podem reduzir renda global em 19% até 2049

Imagem de destaque
Desigualdade

IBGE: 10% mais ricos ganham 14,4 vezes a renda dos 40% mais pobres no Brasil

Imagem de destaque
CNPJ no vermelho

Paraná tem o maior número de empresas inadimplentes na região Sul


A primeira é para quem deseja montar a própria cesta de chocolates, doces e mimos, já que a loja tem desde as formas para a confecção dos ovos até os coelhinhos de pelúcia para complementar o presente.

Publicidade


Outra opção é pelas cestas já prontas ou que podem ser montadas na hora de acordo com a vontade do cliente, o que não tem custo extra. “A gente percebeu que o que está vendendo muito é chocolate, então o pessoal está confeccionando ovo, mas essa parte de ursinhos de pelúcia, de mimos para adicionar nas cestas, não saiu tanto quanto a gente esperava”, admite.


Ele garante que a expectativa para essa Páscoa não era a melhor, então a compra de estoque já foi reduzida se comparada a anos anteriores. Apesar de ainda ser cedo para afirmar, a previsão é de que as vendas deste ano fiquem, ao menos, 20% mais baixas em relação a 2023. 

Publicidade


Sobre a queda, ele conta que percebeu um endividamento maior por parte dos clientes, que estão tentando economizar da forma que podem, assim como muitas reclamações a respeito do salário baixo, que não deixa uma folga no orçamento para gastar em chocolates.


Para tentar amenizar a redução, a loja adotou algumas estratégias para chamar a atenção dos clientes. A opção de montar a cesta de acordo com os gostos e bolsos de cada um já é um diferencial, assim como incluir ovos de chocolate nas cestas já prontas, deixando o presente mais bonito aos olhos dos consumidores. 


Segundo ele, nos anos anteriores eles já tinham vendido todos os ovos; neste ano, apesar de já terem comprado uma quantidade menor, ainda restam unidades, o que motivou a decisão de incrementar as cestas para que o doce não fique parado. “A gente tem que tentar achar artifícios para alcançar os clientes porque está bem difícil”, afirma.


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Lojistas se reinventam para garantir vendas na Páscoa
Se comparado ao ano passado, expectativa de venda está 20% menor; opções de cestas prontas ou para montar são diferenciais
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade