Pesquisar

Canais

Serviços

- Reprodução/Facebook
Continua depois da publicidade
Responderão a processo

Guardas municipais são flagrados transitando sem capacete em Londrina; veja

Samara Rosenberger - Redação Bonde
01 mar 2016 às 11:24
Continua depois da publicidade

Dois guardas municipais foram flagrados cometendo infrações de trânsito nesta segunda-feira (29) em Londrina. A irregularidade foi registrada por um internauta e publicada nas redes sociais. Segundo ele, a foto foi feita no Jardim São Lourenço, zona sul da cidade.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Na imagem, os dois homens - motociclista e garupa - aparecem fardados e em atitudes irregulares. O condutor até usa o capacete, mas de maneira incorreta; o acessório não está fixado à cabeça nem preso ao queixo por meio da cinta. Já o passageiro aparece sem qualquer equipamento de segurança.


Segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CBT), dirigir e transportar alguém sem capacete de acordo com as normas e especificações aprovadas pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) configura infração gravíssima, com inclusão de sete pontos no documento, multa de R$ 191,54, além da suspensão do direito de dirigir e recolhimento da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).


De acordo com coronel Rubens Guimarães, secretário de Defesa Civil, os servidores já foram identificados e serão submetidos a processos administrativos disciplinares". Eles terão o direito de se defender e, só depois, tomaremos as medidas cabíveis ao caso", explicou em entrevista ao Portal Bonde.


Em nota, a Prefeitura de Londrina informou que os agentes estão sujeitos a penalidades que vão desde a repreensão ou até mesmo suspensão. Até que os fatos sejam apurados pela corregedoria da Guarda Municipal, ambos seguirão exercendo suas atividades normalmente. O caso é tratado como prioridade. "A atitude é considerada inadmissível e será analisada na forma da legislação que rege a corporação", diz trecho do texto.

Continua depois da publicidade


Guimarães lembrou, ainda, que o motociclista não será multado, já que não houve a autuação de um agente, conforme prevê o CBT. "Ao que parece, eles voltavam para casa ou estavam indo para o serviço, portanto, fora do horário de trabalho". Os GMs continuarão atuando normalmente até o conclusão do processo disciplinar. "Não existem motivos para afastá-los", justificou.


Reincidência


Em duas semanas, esta é a segunda infração de trânsito cometida por servidores municipais e flagrada por cidadãos londrinenses. No último dia 20, um funcionário comissionado da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) foi fotografado falando ao celular enquanto dirigia.


Na quinta-feira (25), o Sindicato dos Trabalhadores em Urbanização do Estado do Paraná (SindiUrbano) emitiu uma nota exigindo a exoneração do infrator. A CMTU informou que o processo disciplinar contra ele já foi instaurado e a comissão divulgará o resultado até hoje.

(matéria atualizada às 15h50)


Compartilhar nas redes:

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade