23/09/20
°/°
PUBLICIDADE
Veja os dados

Paraná tem menor número de homicídios dolosos em 13 anos

O Paraná registrou em 2019 o menor número de homicídios dolosos dos últimos 13 anos, a partir do início da publicação do Relatório Estatístico Criminal pela Secretaria de Estado da Segurança Pública. Foram 175 mortes a menos de janeiro a dezembro do ano passado, quando houve 1.780 homicídios, em comparação com o mesmo período do ano anterior (1.955 casos) – uma redução de 9%. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (30) pelo Centro de Análise, Planejamento e Estatística da secretaria.

Pixabay
Pixabay


No primeiro ano de divulgação das estatísticas de homicídios dolosos no site da pasta, em 2007, foram registradas 2.647 mortes, 32,7% a mais que neste último ano. Durante todo o período contabilizado, o maior número de registros ocorreu em 2010, com 3.276 mortes (45,6% a mais que em 2019).

Das 23 Aisp (Áreas Integradas de Segurança Pública), forma como o Estado é dividido para análise estatística, 16 registraram queda nos homicídios dolosos e menos de 100 crimes deste tipo de crime no ano passado. Apenas duas tiveram número de mortes superior a esse índice: Curitiba e a Região Metropolitana.

Em números absolutos, a 1ª Aisp, referente ao município de Curitiba, foi a que mais reduziu o número homicídios dolosos no Paraná. Foram 48 a menos em 2019, se comparado com o ano anterior. A queda foi de 16,3%.

Na região metropolitana da capital (2ª Aisp), também houve redução nos homicídios. Foram 46 mortes a menos (-11%) para os 22 municípios. Se destacam os municípios de Agudos do Sul (-85%), Campina Grande do Sul (-61%), Colombo (-23%) e Rio Branco do Sul (-75%). Em São José dos Pinhais, que recebeu em agosto do ano passado o projeto-piloto Em Frente Brasil, do Ministério da Justiça, foram 10 mortes a menos (-14,4%).

A 5ª Aisp, com sede em São Mateus do Sul, que compreende nove municípios, teve a maior diminuição percentual no Estado: 62,8%. Houve 22 homicídios a menos no ano passado (35 em 2018 e 13 em 2019). Entre os nove municípios, o que mais se destacou foi a Lapa, com queda de 93,3%. Passou de 15 homicídios dolosos em 2018 para apenas um em 2019.

Por sua vez, na região de Cornélio Procópio (21ª Aisp), que abrange 20 municípios, foi registrada a segunda maior redução: 48,3%, com 17 homicídios a menos. Somente o município de Cornélio Procópio teve 71% de queda (sete mortes em 2018 para duas mortes em 2019).

Na 12ª Aisp, de Foz do Iguaçu, que inclui a sete municípios, a diminuição foi de 18% (110 mortes em 2018 e 90 casos em 2019). Somente na cidade de Foz do Iguaçu a incidência caiu 20,4%: ocorreram 88 mortes em 2018 e 70 em 2019. Também na região Oeste do Estado, Cascavel teve redução de 34%, com 18 mortes a menos (em 2018 foram 53 e em 2019, 35).

Em Maringá a queda foi de 22,5%. Foram sete mortes a menos de janeiro a dezembro de 2019 em comparação com janeiro a dezembro de 2018. A 17ª Aisp, de Maringá, com 25 municípios, apontou redução de 10%, com nove mortes a menos no período.

Como publicado pelo Bonde, em Londrina também tem ocorrido diminuição da quantidade de homicídios. Confira os dados da cidade nesta reportagem.
Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
Entenda o imbróglio
Prefeitura tenta derrubar liminar que reabriu bares em Londrina
23 SET 2020 às 16h24
Plenário
Senado aprova recriação do Ministério das Comunicações
23 SET 2020 às 15h47
Missão Artemis 3
Nasa anuncia programa para levar primeira mulher à Lua em 2024
23 SET 2020 às 15h38
Crise
Desemprego aumentou 27,6% em quatro meses de pandemia, diz IBGE
23 SET 2020 às 15h24
Previdência Social
Justiça Federal suspende trabalho presencial de médicos do INSS
23 SET 2020 às 14h45
Anteprojeto
Câmara instala comissão para reformar Lei da Lavagem de Dinheiro
23 SET 2020 às 14h32
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados