30/05/20
24º/LONDRINA
PUBLICIDADE
|
Perfil

Saiba quem são os criminosos que aplicam golpes em Londrina

Com a onda crescente de golpes aplicados através de plataformas virtuais, questiona-se: quem são os criminosos que praticam esse tipo de crime? Existe um perfil?

Pixabay
Pixabay


LEIA MAIS
Denúncias de golpe do WhatsApp clonado chegam a três por semana em Londrina
Confira truques para visualizar mensagens no WhatsApp sem que ninguém saiba
Saiba como funciona o golpe da clonagem de celular
Quais são os golpes mais comuns em Londrina?

Segundo o delegado Edgard Soriani, responsável pelo 1º Distrito Policial de Londrina, que investiga crimes de estelionato, os golpes aplicados geralmente vêm de dentro de presídios.

"Essas quadrilhas são do Mato Grosso, de São Paulo e do Rio de Janeiro, nenhuma é do Paraná", esclarece. Além disso, geralmente as contas bancárias usadas para os golpes são de outros estados, de titularidade de laranjas, esposas, companheiras e parentes dos criminosos, o que dificulta a investigação, pois o crime é de competência estadual.

O delegado ainda indica que uma boa parte desses estelionatos têm sido praticados dentro de uma penitenciária de Cuiabá (MT), que tem problemas de superlotação, contando com aproximadamente 2 mil presos. Soriani relatou que, há poucos meses, uma tentativa de revista nas celas da unidade ocasionou um princípio de rebelião.

O fato de o golpe ser aplicado atravessando mais de um estado é o principal fator que dificulta a investigação. Como aponta o delegado, após abrir o inquérito em Londrina, ele envia uma precatória para outro estado, determinando que a pessoa que recebeu o dinheiro seja ouvida. Até ela ser encontrada, passam-se de 6 a 8 meses. "A investigação fica quebrada e de difícil solução”, afirma.

Por isso, o delegado defende que, nesses tipos de estelionato, que atravessam mais de um estado, a sistemática da investigação seja alterada, enviando-se o inquérito para outro estado depois das partes serem ouvidas em Londrina.

*Sob supervisão de Larissa Ayumi Sato.
Isabella Alonso Panho - Estagiária*
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Conteúdo relacionado:
Estelionato
Quais são os golpes mais comuns em Londrina?
Saiba como evitar
Denúncias de golpe do WhatsApp clonado chegam a três por semana em Londrina
Veja vídeo
Confira dicas simples para evitar cair em golpes
Continue lendo
Montagem de cestas básicas
Associação Guarda Mirim de Londrina recebe doação de 700 kg de alimentos
29/05/2020 19:35
Ilha do Sol
Municípios recebem doação de protetores faciais hospitalares
29/05/2020 19:04
Contrato de 60 dias
Mais 50 leitos de UTI são contratados pela Prefeitura de Londrina
29/05/2020 18:59
Homem de 67 anos
Londrina confirma 22ª morte em decorrência da Covid-19
29/05/2020 18:01
Boletim da pandemia
Com mais quatro mortes, Paraná tem 173 óbitos provocados pela covid-19
29/05/2020 17:29
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados