Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Inflação

Comissão de Finanças aprova reajuste a parlamentares

Redação Bonde
22 mar 2007 às 12:16
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Comissão de Finanças e Tributação aprovou há pouco o projeto de decreto legislativo que concede reajuste de 26,49% as remunerações de deputados e senadores. O percentual aplicado corresponde à inflação oficial do período compreendido entre janeiro de 2003 a fevereiro de 2007.

O decreto foi sugerido Virgílio Guimarães (PT-MG). Com o reajuste, o salário passaria de $ 12.847,20 para R$ 16.250,42. Ele sugere que o mesmo índice seja usado para reajustar os subsídios do presidente e do vice-presidente da República e dos ministros de Estado. Assim, a remuneração do presidente passaria de R$ 8.885,48 para R$ 11.239,24, e as demais, de R$ 8.362,80 para R$ 10.578,11.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


A comissão decidiu fatiar a proposta original, sugerida pelo deputado , exlcuindo do texto, por exemplo, o artigo que estabelece regras para o desconto na remenuração dos parlamentares em razão de faltas. Essas normas, de caráter legislativo, não podem ser votadas enquanto a pauta da Câmara estiver trancada por medidas provisórias.

Leia mais:

Imagem de destaque
Insanidade

Críticas à omissão do governo em PL Antiaborto por Estupro fazem Lula mudar de discurso

Imagem de destaque
Entenda

Empreiteiras recusam proposta sobre multas da Lava Jato, e governo Lula tenta novo acordo

Imagem de destaque
Comunicações

Ministro de Lula pede ao STF trancamento de inquérito após ser indiciado pela PF

Imagem de destaque
Câmara

Bancada evangélica quer definição de relator do PL antiaborto, e esquerda, adiar discussão


O projeto agora terá que ser votado pelo Plenário.

Fonte: Agência Câmara


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade