Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Entrevista

Em busca para reerguer PSDB, Richa ataca "lavajatismo"

Lucas Marcondes - Grupo Folha
31 out 2023 às 07:18
- Roberto Custódio
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Prestes a fechar seu primeiro ano como deputado federal pelo Paraná, o ex-governador Beto Richa (PSDB) concilia os compromissos em Brasília com uma tarefa hercúlea, já que, membro da executiva nacional do partido, ele apontou em entrevista exclusiva à FOLHA que, passado o turbilhão da derrocada tucana nas eleições de 2022, a atuação dele em 2023 também tenta dar à legenda o protagonismo de outrora.


“A nossa história é muito maior do que as dificuldades que no momento enfrentamos. A política é cíclica, o momento é realmente ruim, sofremos uma polarização muito forte, dois extremos, radicalização. O PSDB, que está no centro democrático, acabou sendo esmagado. Era um contra o outro e não tinha mais ninguém”, avaliou Richa.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Um dos passos para deixar de ser coadjuvante passa naturalmente pelo próximo pleito, as eleições municipais de 2024. Em Londrina, o possível nome do PSDB para disputar a Prefeitura é o do coronel Nelson Villa Junior, que comandou o 5º Batalhão de Polícia Militar (5º BPM) de 2019 a 2023. Hoje na ativa em Curitiba, o oficial está prestes a se aposentar e anda circulando por meios políticos da cidade acompanhado dos ex-vereadores Gustavo Richa, primo do governador, e Marcos Defreitas (respectivamente, presidente e vice do tucanato local).

Leia mais:

Imagem de destaque
Ano de 2023

Prefeitura e Câmara de Londrina prestam contas sobre receitas e gastos

Imagem de destaque
Repercussão negativa

Entidades de classe de Londrina reprovam aumento de salários de vereadores

Imagem de destaque
Transparência

Após pedido do OGPL, Codel vai tornar públicas empresas beneficiadas por doações de terrenos em Londrina

Imagem de destaque
Seis intervenções desde a facada

Bolsonaro passa por exames e avalia nova cirurgia abdominal


Embora Villa ainda não possa se filiar à sigla, o ex-governador, ao menos no discurso, já faz coro ao militar. “Tem conteúdo, é preparado e tem grandes propostas e ideias para a cidade [..] Estamos construindo [a candidatura do PSDB em Londrina]. Ele está empolgado, disposto a disputar a eleição e nós apoiamos ele de braços abertos.”

Publicidade


RELAÇÃO COM PT


Richa disse ter sido cobrado por apoiadores por ter votado a favor de determinadas pautas de interesse do governo do presidente Lula (PT). O ex-mandatário, no entanto, alegou que os embates com o Partido dos Trabalhadores em seus dois mandatos consecutivos (2011-2018) à frente do Executivo estadual colocam-no “acima de qualquer suspeita”.


LEIA MAIS NA FOLHA DE LONDRINA.


Imagem
Em jornada para reerguer PSDB, Richa ataca "lavajatismo"
“Em um país onde a Justiça fosse precisa, estariam presos”, dispara ex-governador sobre Moro e Dallagnol, seus algozes na Lava Jato
Imagem
Prazo de adequações do prédio provisório da Câmara venceu nesta segunda-feira
Passados mais de 45 dias desde a última sessão presencial do Legislativo local, ainda não se sabe quando a populaçã
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade