Pesquisar

Canais

Serviços

- Reprodução
Continua depois da publicidade
No Facebook

Gleisi sai em defesa de Lula e classifica depoimento como "tremenda injustiça"

Samara Rosenberger - Redação Bonde
04 mar 2016 às 12:51
Continua depois da publicidade

A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) usou seu perfil no Facebook para sair em defesa do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, alvo da 24ª operação da Polícia Federal (PF) na manhã desta sexta-feira (4).

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Em vídeo divulgado, a parlamentar diz que a condução coercitiva de Lula é uma "tremenda injustiça". "Meu abraço e minha solidariedade, presidente Lula. Não havia motivos para levá-lo a depor coercitivamente. Por que estão fazendo isso? Com certeza porque o senhor é o maior líder popular da história desse País (...) Não há justificativa jurídica para fazer esse espetáculo midiático".

Continua depois da publicidade


Ela classificou a ação da PF como "humilhante" e garantiu, em texto publicado no começo da manhã, que a bancada governista do Senado e Câmara iria à sede do partido para prestar apoio. "Não vamos permitir que o Estado de Direito seja agredido desta forma. Não se faz isso com o homem que governou esse País para milhões de pessoas. Estamos indo à sede do partido para ficar com ele e defender sua integridade".


O depoimento de Lula, entretanto, foi realizado no Pavilhão de Autoridades, ao lado do aeroporto de Congonhas, em São Paulo.

Gleisi foi ministra-chefe da Casa Civil em 2011, durante o primeiro mandato de Dilma Rousseff. Deixou a pasta em fevereiro de 2014, durante a reforma ministerial, para concorrer às eleições do Governo do Paraná, retornando, assim, à cadeira do Senado.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade