Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Cenário de alívio

Superávit atuarial da Caapsml chega a quase R$ 20 milhões

Douglas Kuspiosz - Especial para a Folha
27 fev 2024 às 09:45
- Roberto Custódio
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A Caapsml (Caixa de Assistência, Aposentadoria e Pensão dos Servidores Municipais de Londrina) deverá fechar 2024 com superávit atuarial do Fundo Financeiro Previdenciário na casa dos R$ 20 milhões. É cenário de alívio para a entidade que já chegou a ter déficit atuarial próximo de R$ 8 bilhões, em 2016.


O secretário municipal da Fazenda, João Carlos Perez, explica que a saúde financeira da Caapsml é importante para não colocar em risco as contas do município. Ele lembra que há muitos anos a situação financeira da entidade era um problema. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


“Esse equilíbrio atuarial é muito importante para garantir os pagamentos dos aposentados e para que o município não tenha nenhum problema financeiro e tenha que salvar os aposentados e comprometer políticas públicas essenciais”, afirma.

Leia mais:

Imagem de destaque
Incentivo para participar das eleições

TRE-PR e Câmara de Londrina se unem para incentivar participação nas eleições

Imagem de destaque
Segunda discussão

Câmara de Londrina aprova espaço para agentes de endemias nas UBSs

Imagem de destaque
Vereadora foi internada na quarta

Juiz concede liminar e suspende audiências da CP que apura denúncia contra Mara Boca Aberta

Imagem de destaque
Decisão polêmica

Professor foi deixado de lado no processo educacional, diz especialista sobre uso do ChatGPT em SP


Hoje, são cerca de 4,2 mil servidores aposentados e pouco mais de 900 pensionistas. A despesa total em 2023 ficou em pouco mais de R$ 500 milhões.

Publicidade


A mudança de cenário na entidade passou por uma série de medidas adotadas pela administração municipal. Entre elas está a aprovação do Plano de Redução do Déficit Atuarial do RPPS (Regime Próprio de Previdência Social), mudanças na cota parte patronal - que saiu de 17% para 26%, acrescida de 3% de alíquota complementar para o magistério - e dos servidores - ampliada de 11% para 14% -, a reforma da Previdência (Lei n° 13.193/2020), criação da aposentadoria complementar e o estabelecimento de um Plano de Amortização, que também previu repasses através de aportes.


"Em 2023, fizemos uma nova adequação ao Plano de Amortização, aumentando o aporte e tirando a cota parte patronal dos inativos, por recomendação do próprio TCE-PR. Nós fizemos todos esses ajustes, o que levou o Fundo de Previdência a ter, pelo segundo ano consecutivo, superávit. Ano passado foi pouco mais de R$ 1 milhão e este ano deu R$ 19 milhões de superávit atuarial”, explica Peres, que ressalta a importância da saúde financeira da entidade. 


“Se a Caapsml não tiver dinheiro para pagar os aposentados, esse recurso inevitavelmente vai sair do Tesouro Municipal. A prioridade é o pagamento dos servidores.”


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Superávit atuarial da Caapsml chega próximo de R$ 20 milhões
A entidade chegou a ter quase R$ 8 bilhões de déficit atuarial em 2016
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade