27/10/20
PUBLICIDADE
Emoções

Saiba como controlar a ansiedade no trabalho

De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), o Brasil é o país onde se encontra o maior número de pessoas ansiosas no mundo: o transtorno acomete um a cada 10 brasileiros.

Reprodução/Pixabay
Reprodução/Pixabay


A ansiedade, segundo Aline Gorris, psicóloga e supervisora de Desenvolvimento Humano e Organizacional da indústria farmacêutica Prati-Donaduzzi, é um sentimento considerado normal diante de situações diversas, mas existe um limite para não ser prejudicial à saúde.

"Todas as pessoas possuem algum nível de ansiedade, sendo inclusive uma resposta biológica de nosso corpo frente às 'ameaças' e 'perigos' vivenciados. No entanto, sempre que um sentimento for tão predominante a ponto de impedir a pessoa de realizar suas atividades cotidianas, e esteja causando problemas na vida profissional ou pessoal, o indivíduo deve buscar ajuda de um especialista", revela.

No trabalho

Esse cuidado deve ser mantido no mercado de trabalho, já que diversas situações podem despertar a ansiedade. O aumento da concorrência, a carga algumas vezes excessiva de trabalho, a falta de reconhecimento e o medo de perder o emprego, uma vez que mais de 12 milhões de brasileiros, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), estão desempregados, têm tornado o ambiente de trabalho cada vez mais desafiador e competitivo.

Se esses ou outros motivos estão causando ansiedade demasiada no trabalhador, a especialista revela que o primeiro passo é a pessoa compreender e analisar a causa do sentimento, para posteriormente agir e eliminá-la.

Gorris explica que algumas perguntas podem ser feitas para autorreflexão, como por exemplo: em quais momentos tenho me sentido ansioso? Fico ansioso ao pensar em algo ou por uma situação que ocorreu? Qual é o padrão para esses pensamentos e acontecimentos?

"Analisando e compreendendo melhor os gatilhos da ansiedade, torna possível a ação para controlar e melhorar o ambiente de trabalho", ressalta a psicóloga.

Atenção

Empresas preocupadas com a saúde e bem-estar de seus colaboradores estão atentas com seus sentimentos e comportamentos. A profissional da Prati-Donaduzzi salienta que é importante que o ambiente de trabalho seja agradável e propício ao crescimento pessoal.

Segundo comenta a psicóloga, os gestores também podem auxiliar para prevenir a ansiedade da equipe. "Estabelecer metas alcançáveis e criar um espaço onde há confiança e diálogo são algumas das ações que gestores podem realizar. Aqui na empresa temos um olhar sempre atento. Quando um gestor perceber que o colaborador está com dificuldades emocionais, em conjunto com o RH (Recursos Humanos), deve encaminhá-lo ao profissional especializado", explica.

Como detectar a ansiedade?

A ansiedade pode gerar alguns sintomas corporais que variam de pessoa para pessoa. Os mais comuns são: inquietação, falta de concentração, pensamentos acelerados ou indesejados, fadiga, suor, falta de ar, respiração rápida, insônia, pesadelos, entre outros.
Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Continue lendo
Se cuida, bb!

Cinco hábitos que contribuem para uma pele saudável com a chegada do verão

26 OUT 2020 às 16h37
Estilo confortável

Busca por chinelos explode na quarentena e peça se torna tendência no street style

26 OUT 2020 às 14h30
Folha Entrevista

Advogada explica quais os direitos do trabalhador na pandemia

26 OUT 2020 às 12h36
Setor em dificuldades

Tendências de primavera/verão aquecem mercado da moda

26 OUT 2020 às 09h30
Live do Gedal

Astrofísico desvenda mistérios da estrela Eta Carinae, gigante cósmico

24 OUT 2020 às 11h45
Conheça Mark Bryan!

Homem faz sucesso nas redes sociais por usar saia e salto

24 OUT 2020 às 08h00
Veja mais e a capa do canal
JORNAIS
Folha de Londrina
TELEVISÃO
MultiTV Cidades
OUTRAS EMPRESAS
Grafipress
RSS - Resolução máxima 1024x728 - () - Bonde - Todos os direitos reservados