Pesquisar

Canais

Serviços

- Reprodução/Pixabay
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Oportunidade

Londrina abre inscrições para curso de assistente administrativo

Redação Bonde com N.Com
23 mai 2022 às 17:42
Continua depois da publicidade

Com foco na qualificação profissional, Londrina segue investindo na criação de oportunidades para os trabalhadores através de cursos, a fim de promover a inserção no mercado de trabalho. Em junho, será a vez do curso de assistente administrativo. As aulas serão no período noturno, das 19h às 22h, de segunda a sexta, e vão do dia 6 de junho até o dia 19 de agosto e as inscrições estão abertas. 

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Para se inscrever, basta acessar a página de qualificação da SMTER (Secretaria Municipal do Trabalho, Emprego e Renda), no site da Prefeitura. Serão vinte vagas para o curso de assistente administrativo e para a seleção dos alunos será respeitada ordem de inscrição. As aulas serão no Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) da rua Raposo Tavares, 894.

Continua depois da publicidade


O secretário do Trabalho, Emprego e Renda, Gustavo Santos, lembrou que o curso abre um leque grande de possibilidades. “Todos os setores da economia têm a necessidade de um departamento que desenvolva as rotinas administrativas. Conhecer as práticas comuns a esses departamentos é estar apto a atender as demandas de qualquer empresa. E é exatamente esse conhecimento que o curso de assistente administrativo vai entregar ao trabalhador”, destacou Santos.


Pacote de qualificação profissional


Todos os cursos ofertados pela Prefeitura chegam sem custo ao trabalhador graças ao investimento de mais de R$ 200 mil feito pelo poder público na aquisição de diferentes formações profissionais. Fazem parte do pacote cursos nas áreas de serviços, estética, mecânica e gastronomia.

Continua depois da publicidade


Uma parte dos cursos está sendo executada pela SMTER e a outra pela SMPM (Secretaria Municipal de Políticas Para Mulheres), que tem direcionado essas qualificações às mulheres vítimas de violência atendidas pelo CAM (Centro de Referência de Atendimento à Mulher). Desde janeiro, cerca de 150 pessoas já foram qualificadas com esse investimento.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade