Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Entenda

Angelina Jolie diz não conseguir viver livremente após se separar de Brad Pitt

Folhapress
08 dez 2023 às 19:14
- Divulgação
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

Angelina Jolie afirma que não seria mais atriz em razão da falta de privacidade em Hollywood, problema que piorou depois que se separou de Brad Pitt.


"Isso faz parte do que aconteceu depois do meu divórcio. Perdi a capacidade de viver e viajar livremente", afirma a atriz, acrescentando que pretende se mudar para o Camboja, onde já tem uma casa. "Irei assim que puder. Eu cresci em um ambiente bastante superficial. Hollywood não é um lugar saudável."

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Jolie e Pitt mergulharam em uma disputa judicial a partir de 2016, quando decidiram se separar. Em 2022, a atriz moveu um processo bilionário contra seu ex-marido em que pedia US$250 milhões, aproximadamente R$1,3 bilhão, por suposta administração indevida de uma vinícola que o casal comprou no sul da França, em 2008.

Leia mais:

Imagem de destaque
4 anos e meio de prisão

Condenação de Daniel Alves é medida exemplar contra o machismo, diz vice-presidente da Espanha

Imagem de destaque
Relação não foi consentida

Daniel Alves: Ex-jogador é condenado a 4 anos e meio por estupro

Imagem de destaque
46ª edição

'Auto da Paixão de Cristo’ terá apresentação extra no Aterro do Lago no Domingo de Ramos

Imagem de destaque
Confira a programação

Com ingressos por R$12, Semana do Cinema em Londrina começa nesta quinta-feira (22)


O casal se divorciou oficialmente em agosto deste ano, quando os dois participaram de uma audiência de conciliação para tentar resolver suas brigas na Justiça.


Jolie afirma ainda que não seria atriz atualmente. "Quando eu estava começando, não havia tanta expectativa de ter uma vida tão pública, de compartilhar tanto", diz ela.


Imagem
Tribunal de Contas do Paraná suspende concurso público da Unicentro para contador
O TCE-PR suspendeu o concurso público realizado pela Unicentro, em Guarapuava, para o cargo de contador após denúncia de irregularidades.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade