Pesquisar

Canais

Serviços

Reprodução/Instagram
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Teaser de documentário

Demi Lovato conta que teve três derrames após overdose

Folhapress
18 fev 2021 às 08:57
Continua depois da publicidade

Demi Lovato, 28, lançou nesta terça-feira (17) um teaser do documentário autobiográfico "Dancing With the Devil" ("Dançando com o Diabo", em tradução livre), que estreia dia 23 de março no YouTube Originals e terá quatro episódios. No conteúdo, a cantora revelou ter sofrido três derrames e um ataque cardíaco após uma overdose em 2018. "Meus médicos disseram que eu tinha mais cinco ou dez minutos".

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


Lovato falou mais sobre o documentário de quatro partes na quarta-feira em um painel da Television Critics Association, onde ela detalhou o impacto que sua overdose teve sobre ela. Ao comentar o caso, Lovato reflete sobre o que passou ao longo dos anos. "Eu tive muitas vidas, como meu gato. Você sabe, eu estou na minha nona vida. Estou pronta para voltar a fazer o que amo, que é música", diz a artista, contando, em seguida, ter sofrido danos cerebrais causados pela overdose.

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade


Em julho de 2018, o Departamento de Polícia de Los Angeles confirmou à Us Weekly que a cantora foi levada às pressas a um hospital após uma overdose. A notícia veio um mês depois dela confirmar que havia tido uma recaída, quebrando seis anos de sobriedade. Ela recebeu alta do hospital em agosto e, posteriormente, passou três meses na reabilitação.


"Não dirijo um carro porque tenho pontos cegos na minha visão. Por muito tempo também tive muita dificuldade para ler", disse Lovato. "Foi muito importante quando eu consegui ler um livro, dois meses depois, porque minha visão estava muito embaçada". O trailer de quase três minutos também mostra que a artista vai falar sobre seu noivado de dois meses com Max Ehrich, que terminou em setembro de 2020, e também se ela está sóbria atualmente.


A artista, que anteriormente lançou um documentário no YouTube intitulado "Simply Complicated" ("Simplesmente Complicado", em tradução livre), em outubro de 2017, disse aos repórteres que documentar seus altos e baixos ajuda a responsabilizá-la. "No final das contas, eu não estava preocupada com nada", ela explicou. "Você só se preocupa se tiver coisas a esconder. Tenho coisas que guardo para mim, é claro, porque sou um livro aberto com limites", concluiu.

Continua depois da publicidade


Veja o vídeo:


Continue lendo