Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Rodolfo Abrantes

Ex-Raimundos diz que esposa sofreu 'abusos emocionais' na igreja Bola de Neve

Folhapress
23 mai 2024 às 16:09
- Reprodução/Instagram
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O cantor gospel Rodolfo Abrantes afirmou que ele e a família sofreram abusos emocionais durante o período em que frequentaram a igreja Bola de Neve, em Balneário Camboriú, Santa Catarina. Ele é ex-vocalista da banda Raimundos, na qual ficou até 2001.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Visão comprometida

Marrone perdeu parte da visão por glaucoma, diz médico

Imagem de destaque
Novo trabalho

Marcello Antony nega ter mudado de profissão e diz que vai "ser ator até morrer'

Imagem de destaque
Após queda de palco

'Ansioso para voltar ao trabalho', diz Ian McKellen

Imagem de destaque
Linguista e filósofo

Noam Chomsky tem alta de hospital em São Paulo após AVC

Por meio de um vídeo divulgado em seu perfil oficial de Instagram, ele diz que foi membro do templo até 2011, junto com Alexandra Abrantes, e que não falou nada na época para não ser responsável pela saída de fiéis da igreja.

Publicidade


"Vi o sofrimento da minha esposa, vi o quanto ela sofreu abusos emocionais daquele ministério, nós sofremos demais como família, nosso casamento foi abalado na época", afirmou. "Estamos firmes, mas carregamos cicatrizes de feridas que demoram muito para curar."


Abrantes ressaltou que foi apenas membro da Bola de Neve e disse acreditar que os supostos abusos ocorreram pelo despreparo de pastores.

Publicidade


"A minha esposa é uma mulher de Deus e admiro a coragem que ela tem de se posicionar de maneira firme. Estamos nos curando, já passou muito tempo, mas essas feridas demoram demais a cicatrizar."


O artista falou que não tem conhecimento sobre as recentes notícias de supostos desvios de recursos no local. "Questões envolvendo fraudes que estão vindo a tona não me dizem respeito, eu não tenho provas nem capacidade de acusar ninguém."


Procurada pela Folha de S.Paulo por meio de sua assessoria de imprensa, a Bola de Neve afirma que lamenta o descontentamento e a repercussão de notícias nas mídias sociais sobre o desagrado de ex-frequentadores.


"Os trabalhos sempre foram feitos em uma conduta transparente e honesta para que o resultado final fosse a transformação da sociedade. Como ministério, a igreja Bola de Neve está se esforçando para ser aperfeiçoada em gestão, base doutrinária, capacitação de obreiros e, principalmente, no temor à Deus."


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade