Pesquisar

Canais

Serviços

- TV Globo/Fabrício Mota
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Último capítulo

Autor muda final de 'A Favorita' em cima da hora

Agência Estado
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Mais uma vez alvo de competentes bisbilhoteiros, o autor João Emanuel Carneiro admite que teve de mudar o capítulo final da novela A Favorita, que vai ao ar hoje na Globo. "Mudei mais ou menos, e fiquei muito chateado com isso", disse ele. Depois que vazou na imprensa a notícia de que Lara (Mariana Ximenes) atiraria em Flora (Patrícia Pillar) antes que a megera fosse parar na cadeia, Carneiro resolveu investir em outros personagens para entregar a ‘cabeça’ da vilã de bandeja à polícia.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Entre os novos cotados para a missão, estão Irene (Glória Menezes) e o mordomo Silveirinha (Ary Fontoura) - o que recebe mais créditos, já que, nos últimos capítulos, ele foi um dos mais humilhados pela vilã. Sem falar que, um mês antes de a novela chegar ao seu final, várias revistas divulgaram que Silveirinha atiraria em Flora e que ele poderia ser o responsável até por sua morte.

Continua depois da publicidade


O local onde Flora será entregue à polícia permanece o já divulgado, ou seja, a casa do Guarujá, durante a lua-de-mel de Donatela (Cláudia Raia) e Zé Bob (Carmo Dalla Vecchia). Mas como João Emanuel já adiantou no site da novela, todo folhetim tem que ter final feliz. E parece que o autor resolveu seguir a norma bem à risca.


Donatela e Zé Bob, depois de meses lutando contra as armações de Flora, enfim, viverão felizes para sempre. O casal Lara e Halley (Cauã Reymond) também certamente termina junto, depois de o cantor caipira Cassiano (Thiago Rodrigues) ser colocado de escanteio. Já a viúva Irene resolve aceitar o seu pedido de casamento de Copola (Tarcísio Meira).

Silveirinha, que passou a trama inteira dividido entre o bem e o mal, entre Flora e Donatela - e quase morreu nas mãos da megera, que o atacou com um picador de gelo -, é outro que terá um final feliz. Ele seguirá para o interior de São Paulo, onde encontrará duas meninas cantoras. E, claro, vai convencê-las a formar uma dupla sertaneja, da mesma forma como montou Faísca (Cláudia Raia) & Espoleta (Patrícia Pillar), há 20 anos. As informações são do Jornal da Tarde.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade