Pesquisar

Canais

Serviços

Cinco derrotas seguidas

Corinthians revive pesadelo de ano do rebaixamento e precisa reagir

Lucio Flávio Cruz - Grupo Folha
10 fev 2024 às 12:00
- Rodrigo Coca/Ag. Corinthians
Publicidade
Publicidade

O Corinthians vem de cinco derrotas seguidas neste início de temporada, marca que não acontecia desde 2007, ano do rebaixamento para a Série B. O clube busca juntar forças internamente para escapar da crise e evitar uma nova tragédia. 


Na zona do rebaixamento do Campeonato Paulista, o Timão tenta a reabilitação neste domingo (11), diante da Portuguesa, às 16h, na Neo Química Arena. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


A série negativa atual demorou 16 anos para se repetir. Em 2007, o time alvinegro paulista foi derrotado em sequência por Paraná, Botafogo (duas vezes), Palmeiras e Sport. Quatro dos duelos foram válidos pelo Brasileirão e um pela Sul-Americana.

Leia mais:

Imagem de destaque
Campeonato Paranaense

LEC vence o Maringá no Café, se classifica em oitavo e pega o Athletico nas quartas

Imagem de destaque
Campeonato Paranaense

Tubarão enfrenta hoje o Maringá no Café em partida que vale a classificação

Imagem de destaque

Morre Wilsinho Fittipaldi, ícone do automobilismo brasileiro, aos 80 anos

Imagem de destaque
Romero marca dois

Corinthians espanta zebra, domina o Cianorte e avança na Copa do Brasil


O Corinthians acabou caindo da elite nacional naquele ano. Foi o primeiro e único rebaixamento da história centenária do clube do Parque São Jorge.

Publicidade


Agora, o Alvinegro paulista se vê novamente vindo de cinco derrotas consecutivas e em situação de perigo. Os reveses, que vieram nos seis primeiros jogos da temporada de 2024, fazem o time ocupar a zona do rebaixamento do Paulistão.


O Corinthians se esforça para conter a crise, causada pelo cenário "inadmissível" e agravada por outros fatores, como a saída recente do técnico Mano Menezes. O Alvinegro acertou a contratação do português António Oliveira, que estava no Cuiabá. 

Publicidade


O treinador comandou o seu primeiro treinamento na sexta-feira e estreia neste domingo. Ainda na sexta, o Corinthians anunciou a demissão do auxiliar Thiago Kosloski, que dirigiu o time na derrota para o Santos, e que vai sido contrato há um mês.


O contexto faz com que o jogo contra a Portuguesa tenha status de decisão, ainda mais por ser em Itaquera. Se vencer, dá um passo modesto em direção à "luz no final do túnel". Um empate pouco ajuda. Em caso de mais um tropeço, o Corinthians repetirá as seis derrotas seguidas que não tem desde 2006.


O Corinthians soma apenas três pontos no grupo C, enquanto a Lusa é a terceira colocada da chave A, também com três pontos.


Leia a reportagem completa na FOLHA DE LONDRINA:


Imagem
Corinthians revive pesadelo de ano do rebaixamento e junta cacos por reação
Leia sobre a atual situação do Corinthians, que tenta se recuperar de cinco derrotas consecutivas e evitar um novo rebaixamento. Saiba sobre o próximo jogo contra a Portuguesa e as mudanças no time.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade