Pesquisar

Canais

Serviços

Base

Abel usa receita de Endrick com Estevão, e Palmeiras vê passagem de bastão

Carolina Alberti - UOL/Folhapress
12 abr 2024 às 15:00
- Cesar Greco/Palmeiras
Publicidade
Publicidade

O Palmeiras vive uma contagem regressiva para se despedir de Endrick, mas a "receita" usada por Abel Ferreira para consolidar o camisa 9 no time profissional serve de inspiração para cuidar de uma nova joia, Estevão. Com o camisa 9 de malas prontas para o Real, o clube já vê um novo astro prestes a despontar e assumir o protagonismo que hoje é do ainda companheiro de time.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Veja a nota do atacante

Gabigol é multado e perde a 10 do Fla após foto com camisa do Corinthians

Imagem de destaque
Sedes

Veja os estádios que receberão jogos da Copa do Mundo feminina 2027

Imagem de destaque
Entenda

Reformulação no Palmeiras contará com reforço de peso e zagueiro talentoso

Imagem de destaque
De acordo

São Paulo: Lucas revela conversa com Zubeldía e onde vai jogar com técnico

O atacante de 16 anos foi um dos destaques contra o Liverpool-URU e marcou pela primeira vez como profissional. Estevão estreou na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2023 e tem seis jogos nesta temporada, sendo o da última quinta-feira como titular.

Publicidade


Abel Ferreira, porém, tratou de "cortar" a empolgação com a Cria da Academia e o mandou para a Disney. O português teve a mesma postura quando Endrick, ainda na base, chamou a atenção. O treinador, inclusive, foi questionado se não levaria o então atacante de 15 anos para o Mundial de Clubes 2022.


"Este moleque [Estevão] não tem nem 30 anos, nem maior de idade é. Tem que ouvir os conselhos dos pais. O que digo a ele é o que digo aos meus filhos e filhas: tudo no tempo de Deus. Sejam felizes. Quando tiver que ir a Disney, vai, porque o outro [Endrick] também foi e acabou vendido para o Real Madrid. É dar os parabéns aos pais dele, ele é um bom moleque", disse Abel Ferreira.

Publicidade


Abel quer seus jovens jogadores com os "pés no chão" e sabendo lidar com os elogios e cobranças. No começo do Campeonato Paulista de 2023, ele se recusou a responder perguntas sobre Endrick, que enfrentava um jejum de gols.


Endrick teve uma sequência no banco antes de estrear pelo Palmeiras, já Estevão demorou para ser titular. O camisa 9 foi relacionado pela primeira vez no clássico contra o Santos pelo Brasileirão de 2023, e só estreou no mês seguinte. Estevão, por outro lado, só conseguiu espaço como titular na última quinta-feira.

Publicidade


E os companheiros de time também entram na "blindagem". Raphael Veiga exaltou o talento de Estevão, mas destacou que o menino só tem 16 anos. Já Gustavo Gómez afirmou que o elenco tenta deixar o jovem tranquilo para desenvolver seu futebol.


A estratégia deixou o camisa 41 à vontade para ser titular na Copa Libertadores e garantir a liderança do Grupo F: "Ansiedade não bateu porque é no campo que me sinto feliz e me divirto. Hoje, o Palmeiras proporciona tudo para a gente da base. A gente entrega bem. O profissional nos agrega bastante", falou.

Publicidade


O jovem, porém, tem cuidado ao falar em uma "passagem de bastão", já que Endrick deixará o Palmeiras no meio do ano. O camisa 9 já tem contrato com o Real Madrid.


"Ele [Endrick] vai fazer falta, é um jogador importante, e vamos tentar recompor, o Palmeiras tem excelentes peças. Que a gente venha crescer cada vez mais", disse Estevão.


A torcida, porém, já está empolgada com Estevão, que está na mira de gigantes europeus. O menino foi ovacionado em campo e desperta interesse de clubes como Barcelona e Chelsea.


Imagem
Palmeiras ativa 'time da virada' e vence com gol de joia na Libertadores
O Palmeiras superou um primeiro tempo apático e uma arbitragem confusa para vencer o Liverpool-URU de virada, por 3 a 1, no Allianz Parque, pela segunda rodada da Copa Libertadores.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade