Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Após derrotas

Adalberto Baptista deixa cargo de diretor no São Paulo

Agência Estado
25 jul 2013 às 18:37
Publicidade
Publicidade

Bastante pressionado por torcedores, conselheiros e até mesmo dentro do elenco, Adalberto Baptista deixou nesta quinta-feira o cargo de diretor de futebol do São Paulo. Segundo comunicado divulgado pelo clube, ele entregou um pedido de desligamento, "em caráter pessoal e irrevogável".

Adalberto Baptista estava sendo um dos principais alvos na crise que tomou conta do São Paulo. O time está há 11 jogos sem vitória e já soma oito derrotas seguidas. Além disso, vive um clima de grande instabilidade política, que ameaça o presidente do clube, Juvenal Juvêncio.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Mesmo dirigentes da situação já pediam para que Juvenal Juvêncio tirasse Adalberto Baptista do cargo. A pressão vinha aumentando nos últimos dias, inclusive com relatos de que o diretor de futebol provocava insatisfação no elenco por causa do seu estilo de trabalho.

Leia mais:

Imagem de destaque
Mais uma

Corinthians se atrapalha por patrocínio máster e descumpre nova promessa

Imagem de destaque
Time treina na Granja Comary

Seleção feminina entra em reta final de preparação para Paris

Imagem de destaque
Entenda

Novo STJD negocia cargos e tem confusão com Textor como herança

Imagem de destaque
Campeonato Brasileiro

As 6 missões mais urgentes para Ramón Díaz resolver no Corinthians


Diante desse cenário, Adalberto Baptista deixou o cargo nesta quinta-feira. No comunicado, o clube "lamenta profundamente o pedido e agradece o trabalho e a dedicação" do diretor de futebol, lembrando que, no período em que ele esteve no posto, o São Paulo foi campeão da Copa Sul-Americana.

Por fim, a nota oficial do São Paulo esclarece que o vice-presidente de futebol, João Paulo de Jesus Lopes, ocupará interinamente a diretoria de futebol. E Marcos Tadeu reassume a função de diretor das categorias de futebol de base, que também era responsabilidade de Adalberto Baptista.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade