Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Veja o gol:

Corinthians arranca empate com o Athletico em 'jogo da vida' para António

UOL/Folhapress
24 jun 2024 às 08:15
- Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Publicidade
Publicidade

O Corinthians arrancou um empate com o Athletico em 1 a 1 neste domingo (23), na Ligga Arena, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Christian abriu o placar e Cacá empatou nos acréscimos.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Entenda

Como Filipe Luís ajuda na transição para os profissionais do Flamengo

Imagem de destaque
Fica ou sai?

Craque da Copa América e vice-campeão, James reacende dúvida no São Paulo

Imagem de destaque
Pé frio

Harry Kane é vice mais uma vez e vê Inglaterra seguir jejum de 58 anos

Imagem de destaque
Zona de classificação

Derrota em Minas Gerais volta a pressionar o Londrina EC por vaga no G8

O Corinthians empatou aos 46 minutos do segundo tempo, com Cacá. O zagueiro que fez dois gols contra nos últimos três jogos marcou em rebote de cobrança de falta de Garro no travessão.

Publicidade


O empate no fim pode dar uma nova chance para António Oliveira. O técnico segue muito pressionado no comando.


O Athletico levou gol nos acréscimos nos últimos três jogos. Primeiro contra o Flamengo, depois Botafogo e agora o Corinthians.

Publicidade


O Timão segue na 18ª colocação e na zona do rebaixamento, com sete pontos. O Athletico agora é o quinto, com 19.


O Corinthians voltará a campo para enfrentar o Cuiabá, quarta-feira, na Neo Química Arena. O Athletico visitará o Cruzeiro, no mesmo dia, no Mineirão.

Publicidade


Athletico larga na frente


O Athletico foi superior ao Corinthians na maior parte do primeiro tempo. O Furacão dominou no início, viu o Timão equilibrar ações e depois terminou a etapa inicial melhor.

Publicidade


O cenário da partida foi claro: o Athletico com a bola e forçando o jogo pelas pontas, enquanto o Corinthians tentou se defender para contra-atacar.


A estratégia de Cuca deu mais certo e o gol do Furacão saiu pelo lado: Esquivel cruzou e Christian subiu de cabeça entre Cacá e Caetano para deslocar Donelli. 1 a 0.

Publicidade


Corinthians reage


O Athletico voltou melhor para a etapa final, mesmo com a vantagem. Com Coronado na vaga do Mosquito, o Corinthians não conseguiu reagir.

Publicidade


O Timão, desorganizado, tentou sair para o jogo e deu mais espaços para o Furacão, que criou mais chances, como o chute de Cuello no travessão aos 19 minutos. O Corinthians só assustou em finalizações de fora da área.


Nos minutos finais, o Athletico conseguiu controlar o jogo e administrar a vitória magra sem grandes dificuldades. 1 a 0 para o Furacão contra o Corinthians mergulhado em crise.


Quando tudo parecia caminhar para a vitória do Athletico, o Corinthians achou o empate. Garro acertou a trave em cobrança de falta e Cacá, de peito, fez no rebote. O zagueiro fez dois gols contra nos últimos três jogos e agora marcou a favor.


O Athletico se lançou ao ataque e ainda teve duas chances claras nos acréscimos, mas não conseguiu desempatar.


Lances importantes


1 a 0. Aos 44 minutos do primeiro tempo, Esquivel cruzou e Christian cabeceou no cantinho de Donelli para abrir o placar.


Ufa. Aos 19 minutos do segundo tempo, Cuello acertou lindo chute de fora da área e a bola explodiu no travessão.


1 a 1. Aos 46 minutos do segundo tempo, Garro acertou o travessão em cobrança de falta e Cacá marcou de peito no rebote.


FICHA TÉCNICA


Athletico 1 x 1 Corinthians

Local: Ligga Arena, em Curitiba (PR)
Data: 23 de junho de 2024 (domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)
Assistentes: Fernanda Nandrea Gomes Antunes (FIFA) (MG) e Celso Luiz da Silva (MG)
VAR: Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira (MG)
Cartões amarelos: Fernandinho e Di Yorio (Athletico) e Pedro Raul (Corinthians)
GOLS: Athletico: Christian, aos 44 minutos do primeiro tempo. Corinthians: Cacá, aos 46 minutos do segundo tempo.


Athletico: Léo Linck, Madson, Kaique Rocha, Thiago Heleno e Esquivel; Fernandinho, Christian (Zé Vitor) e Erick (Gabriel); Nikão (Julimar), Cuello (Di Yorio) e Mastriani (Zapelli). Técnico: Cuca


Corinthians: Matheus Donelli, Leo Maná (Matheuzinho), Caetano, Cacá e Hugo (Matheus Araújo); Raniele, Breno Bidon e Rodrigo Garro; Gustavo Mosquito (Igor Coronado), Wesley (Kayke) e Pedro Raul (Arthur Sousa). Técnico: António Oliveira


Veja o gol:

Imagem
Grandes da zona do rebaixamento têm rodada indigesta pela frente com clássicos e pedreiras
O quarteto de gigantes que amarga a zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro pode ver o drama aumentar após os jogos da 11ª rodada do Brasileiro.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade