Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Contra o Olimpia

No Paraguai, Atlético-MG inicia decisão da Libertadores

Agência Estado
17 jul 2013 às 08:37
Publicidade
Publicidade

Já sem esperança de levar a decisão da Copa Libertadores para o estádio Independência, onde tem mandado seus jogos, o Atlético Mineiro inicia a decisão da competição continental às 21h50 (de Brasília) desta quarta-feira disposto a garantir um resultado que facilite o jogo de volta. Para o time, uma grande vantagem seria impedir que o Olimpia marque no confronto no estádio Defensores Del Chaco, em Assunção.

Mas o atacante Diego Tardelli salientou que o ideal mesmo seria conseguir balançar a rede adversária na arena paraguaia. "Estamos preparados para fazer um bom jogo, tentar não tomar gol e jogar fechadinho, no contra-ataque, que é o nosso ponto forte", declarou. "Nosso time sabe como é difícil reverter o placar no jogo de volta", observou.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O grupo conseguiu superar dois percalços - nas quartas de final, ao arrancar um empate com o Tijuana (México), e na semifinal, ao derrotar nos pênaltis o Newell''s Old Boys (Argentina). Ambos os resultados foram conquistados no Independência.

Leia mais:

Imagem de destaque
Diferença na administração

Cássio vê Cruzeiro 'mais organizado' que Corinthians e elogia SAFs

Imagem de destaque
Reforços

Dudu e Felipe Anderson são o copo meio cheio da lesão de Estêvão no Palmeiras

Imagem de destaque
São Paulo

Zubeldía perde laterais e deve acionar 'extremos' em Brasília

Imagem de destaque
Aposentado

Ex-Flamengo, Diego brinca sobre vida de 'pai de jogador'


"A margem de erro tem que ser zero porque não tem mais volta. Muitas vezes decide-se o campeonato no primeiro jogo", salientou Tardelli, que tem chance de conquistar a artilharia da competição ao lado de Jô, pois ambos marcaram seis vezes, o mesmo que Ignacio Scocco, do Newell''s Old Boys.


E para tentar garantir o resultado, o time mineiro entrará em campo com força quase total. A única ausência certa é a do meia Bernard, que levou o terceiro cartão amarelo na última partida e deve dar lugar a Luan. Já o volante Leandro Donizete tenta se recuperar de lesão, mas ainda é dúvida para o jogo e o mais provável é que Josué seja acionado na vaga.

Nesta terça, o time fez o último treino no Paraguai antes da disputa. Inicialmente, a direção alvinegra planejava realizar atividades no Defensores Del Chaco, mas os planos foram alterados porque não seria permitido o uso de chuteiras. Com isso, o treino foi transferido para o campo do Sportivo Luqueño.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade