Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Éderson

Novidade da seleção não deixou saudade no Corinthians

Lucas Musettti Perazolli - UOL/Folhapress
21 mai 2024 às 16:00
- Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Publicidade
Publicidade

Convocado pelo técnico Dorival Júnior para a seleção brasileira, Éderson não deixou saudade no Corinthians. Ele defendeu o clube paulista em 2020.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Atuação nos anos 80

Corinthians lamenta morte de ex-goleiro César

Imagem de destaque
Dona Celeste Arantes

Morre em Santos, mãe de Pelé, aos 101 anos

Imagem de destaque
Quase saiu

Dudu vê indiferença e apoio tímido em reencontro após novela no Palmeiras

Imagem de destaque

Saiba quais são as contratações mais caras do Palmeiras

Éderson ascendeu desde a saída do Corinthians e atualmente é destaque da Atalanta (ITA), finalista da Europa League.

Publicidade


A passagem no time alvinegro foi discreta. Um membro da comissão técnica do Corinthians conviveu com Éderson e disse à reportagem: "Parece outro cara na Europa".


O meio-campista até que começou bem no Corinthians, mas caiu de rendimento e passou a nem ser relacionado. Pessoas próximas ao atleta dizem que o problema foi lidar com a pressão do clube do Parque São Jorge.

Publicidade


A reclamação no Corinthians era de um Éderson "irregular", que alternava entre bons e maus jogos e treinamentos, sem convencer os treinadores. O mau momento do time como um todo também pesou contra.


Éderson teve que pedir para sair duas vezes até ser atendido. O destino foi o Fortaleza, onde ele evoluiu sob o comando de Juan Pablo Vojvoda.

Publicidade


O Corinthians negociou Éderson com o Salernitana (Itália) antes mesmo do fim de empréstimo. O preço foi 6,5 milhões de euros (R$ 39 mi, à época).


Em seis meses, Éderson foi do Salernitana ao Atalanta e o preço mais do que dobrou: de 6,5 para 15 milhões de euros (R$ 83 mi).

Publicidade


O jogador de 24 anos não demorou a se firmar na Atalanta e virou titular absoluto em um time mais ofensivo, de proposta diferente do Salernitana.


Éderson evoluiu taticamente e agora pode jogar como primeiro e segundo volante, além de armador. Essa polivalência chamou a atenção de Dorival para a convocação da Copa América.


O novo jogador da seleção já foi especulado em gigantes como Liverpool e Manchester United, mas seus representantes afirmam que não ouvirão nenhuma proposta até a final da Europa League contra o Bayer (Alemanha), na próxima quarta-feira (22).


Imagem
Seleção Brasileira: Dorival Júnior convoca mais três para a Copa América
O técnico da Seleção Brasileira, Dorival Júnior, completou no domingo (19) a lista de convocados para a Copa América.
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade