Pesquisar

Canais

Serviços

Cidadania

Núcleos esportivos atendem quatro mil crianças em Foz

Redação Bonde
09 abr 2007 às 19:10
Publicidade
Publicidade

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer de Foz do Iguaçu – SMEL – divulgou no fim de semana, o relatório de freqüência dos atletas no Projeto Núcleos Esportivos. Conforme informações do coordenador do projeto, professor Nelson Link, no ultimo mês de março, nos 59 núcleos esportivos, 3.969 menores e adolescentes marcaram presença.

Os núcleos instalados por toda Foz do Iguaçu trabalha com uma equipe de mais de 40 monitores e professores, todos com credencial do Conselho Regional de Educação Física, oferece ensinamentos de fundamentos em onze modalidades: atletismo, basquetebol, futebol, futsal, ginástica rítmica desportiva, handebol, caratê, taekwondo, tênis de mesa, voleibol e xadrez.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Segundo o secretário de esporte, Emerson Wagner, os núcleos trabalham com o objetivo de socializar as crianças, oferecendo atividades físicas e recreativas, e oferecendo ensinamentos para que a clientela, freqüente locais sadios.

Leia mais:

Imagem de destaque
Solidariedade

Times do futebol brasileiro se unem para arrecadar doações para o Rio Grande do Sul

Imagem de destaque
Sem acelerar

Palmeiras usa Bruno Henrique de exemplo por cautela em recuperação de Dudu

Imagem de destaque
Crise

Torcida do Flamengo dá trégua a Tite, mas mantém diretoria no alvo após vitória

Imagem de destaque
São Paulo

Zubeldía volta ao MorumBIS com moral e tem problema por 1ª vitória em casa


Wagner se orgulha da equipe que tem e, semanalmente, está presente nos locais de aulas, acompanhando de perto o trabalho dos monitores. Ele lembra que nos últimos trinta dias, foram mais de mil matriculas, somando-se todos os núcleos instalados.

O coordenador lembra ainda que as crianças participam dos treinamentos no contra-turno escolar. Ele entende que o incentivo dos pais também é de grande importância, para que as crianças, ganhem este espaço, como uma ocupação sadia e que forma verdadeiros cidadãos para o futuro.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade