Pesquisar

Canais

Serviços

Paraná vence em Curitiba. Coxa empata em Minas

Redação - Folha do Paraná
01 ago 2001 às 23:00
Publicidade
Publicidade

Os dois times do Paraná se deram bem na estréia no Brasileirão. O Paraná Clube venceu o milionário Cruzeiro, em Curitiba. O Coritiba foi a Belo Horizonte e empatou com o Atlético Mineiro. O Atlético Paranaense estréia nesta quinta-feira, com o Gremio, na Baixada.

Em Curitiba, o Cruzeiro entrou em campo como grande favorito, afinal o salário de um de seus astros, como Rincón ou Edmundo, pode ser maior que toda a folha de pagamentos do time titular do Paraná. No entanto, foi o Tricolor que quase chegou primeiro ao gol com Lúcio Flávio, na cobrança de uma falta, aos 15 minutos de jogo.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


O time de Belo Horizonte mostrava desentrosamento e só deu o primeiro chute a gol aos 23 minutos de partida. O Paraná mostrava que mantinha a tradição de muita marcação, dificultando o trabalho de bola do adversário. E quase chegou ao gol quando o zagueiro Cléber errou o passe e a bola foi para Maurílio que chegou ao fundo e cruzou para Fernando, que, sozinho, errou o chute e perdeu o gol.

Leia mais:

Imagem de destaque
Em Atlanta

Seleção feminina estreia contra Canadá no Torneio SheBelieves neste sábado

Imagem de destaque
Preparação

Teste na Libertadores dá opções para Abel mexer no Palmeiras para final

Imagem de destaque
"A partida quer tenho que jogar está nos tribunais"

Daniel Alves fala pela 1ª vez após deixar a prisão

Imagem de destaque
Nesta sexta

Prefeitura prorroga uso do VGD pelo Londrina Esporte Clube por mais 10 anos


Só no final do primeiro tempo é que o Cruzeiro começou a crescer em campo e incomodar a zaga paranista. Edmundo parecia estar fora de forma e não conseguia finalizar as jogadas.

Publicidade


O Paraná Clube voltou para o segundo tempo com Zada no lugar de Márcio, que saiu contundido. E foi de Zada a primeira grande chance, aos 12 minutos. Ele chutou forte e a bola bateu no zagueiro Cris, que evitou o gol.


O técnico Paulo César Carpegiani tirou o atacante Leonardo para a entrada de Ozéas. A substituição deu mais mobilidade ao ataque do Cruzeiro. O mesmo Ozéas reclamou de um pênalti, aos 25 minutos, mas o árbitro nada marcou.

Publicidade


O pênalti marcado foi para o Paraná. Aos 36 minutos, Zada girou e driblou Luizão que puxou o jogador paranista. O juiz marcou pênalti. Lucio Flávio cobrou para marcar o primeiro gol do Paraná Clube no Brasileirão, aos 37 minutos e garantir a vitória paranista.


CORITIBA - Em Belo Horizonte, apoiado por mais de 40 mil torcedores que foram ao Mineirão, o Atlético pressionou o Coritiba desde o começo. Aos seis minutos, o meia Ramon, na cobrança de falta, jogou a bola contra a trave Coxa. Somente depois dos 15 minutos, que o Coritiba foi se soltando.

Publicidade


Evair quase marcou, aos 17 minutos. Aos 22 minutos, o volante Messias lançou Edmilson que penetrou na área e chutou forte para marcar o gol do Coxa.


Atrás no placar e empurrado pela torcida, o Atlético Mineiro continuou pressionando. Mas o primeiro tempo terminou com o placar favorável ao Coritiba.


O segundo tempo iniciou e a pressão continuava sobre o Coritiba. O gol de empate do Atlético saiu aos sete minutos, com Romildo marcando. O técnico Ivo Wortmann, sentindo a pressão, tirou o atacante Leandro para a entrada do meia Pepo, que se saiu melhor na marcação.

A substituição deu certo e o Coritiba voltou a melhorar a marcação e equilibrar a partida. Em contra-ataques, Evair e Edmilson levaram perigo para o gol de Velozo. No final, prevaleceu o empate.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade