Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Após sequestro

Valdivia volta, não treina e se reúne no Palmeiras

Agência Estado
12 jun 2012 às 12:23
Publicidade
Publicidade

O meia Valdivia se reapresentou ao Palmeiras na manhã desta terça-feira após retornar ao Brasil na noite de segunda. O jogador chileno chegou à Academia de Futebol entre 9 e 10 horas, não treinou com os seus companheiros e seguiu para uma reunião com membros da diretoria de clube, como o gerente de futebol César Sampaio. O presidente Arnaldo Tirone também foi ao CT do clube.

Na última quinta-feira, Valdivia foi vítima de um sequestro relâmpago em São Paulo, quando estava acompanhado da sua esposa, Daniela. Após o incidente, o jogador seguiu para o Chile. Abalada, a mulher do meia palmeirense não desejaria que Valdivia continuasse atuando no futebol brasileiro.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


O Palmeiras, porém, ainda não fez um pronunciamento oficial sobre o futuro do chileno. O clube, no entanto, não tem interesse em liberar Valdivia, que é ídolo da torcida e um dos principais nomes do elenco. Além disso, realizou alto investimento para repatriá-lo em 2010.

Leia mais:

Imagem de destaque
Saiba mais

Romário tinha atalho para escapulidas e deu roupa para não apanhar em 1994

Imagem de destaque
Conheça a história:

Seleção cravou valor do bicho pelo tetra em guardanapo após trauma de briga

Imagem de destaque
Entenda

Por que o Flamengo pensa em ter um clube na Europa e tem Portugal como alvo

Imagem de destaque
Confusão

Caos na Copa América gera pressão da Fifa em Miami sobre Mundial de Clubes

Como o meia chileno está suspenso para o jogo desta quarta-feira, contra o Grêmio, pela semifinal da Copa do Brasil, Felipão não conta com ele para o duelo no Estádio Olímpico, em Porto Alegre.


Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade