Pesquisar

Canais

Serviços

Chamado de burro

Yuri Alberto desabafa sobre episódio com Mano Menezes no Corinthians

UOL/Folhapress
13 abr 2024 às 09:57
- Rodrigo Coca/Ag. Corinthians
Publicidade
Publicidade

O atacante Yuri Alberto disse que procurou ajuda psicológica para dar a volta por cima no Corinthians após ter sido chamado de burro por Mano Menezes.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Leia mais:

Imagem de destaque
Veja a nota do atacante

Gabigol é multado e perde a 10 do Fla após foto com camisa do Corinthians

Imagem de destaque
Sedes

Veja os estádios que receberão jogos da Copa do Mundo feminina 2027

Imagem de destaque
Entenda

Reformulação no Palmeiras contará com reforço de peso e zagueiro talentoso

Imagem de destaque
De acordo

São Paulo: Lucas revela conversa com Zubeldía e onde vai jogar com técnico

Yuri Alberto relembrou a fase ruim que passou entre o final de 2023 e o início deste ano. Ele abriu o coração em entrevista à Corinthians TV e frisou que, mesmo jogando mal, não se escondeu em nenhum momento.

Publicidade


O atacante afirmou que passou por um momento difícil e que procurou ajuda profissional após o ocorrido na derrota para o São Bernardo, no início de janeiro. Na partida em questão, o então técnico do time perguntou se o jogador era "burro" por ter cometido uma falta no ataque. A cena repercutiu e gerou polêmica.


Yuri acrescentou que os atletas devem ter acompanhamento psicológico e comemorou a volta da sua "melhor fase". O camisa 9 já balançou a rede oito vezes no ano, tendo marcado nos últimos quatro jogos que disputou.

Publicidade


"No final do último ano e início desse ano, foi um momento muito difícil para mim, humilhação muito grande. Não me escondi em momento algum, mesmo jogando mal, entrega não faltava, pessoal cornentando pra caramba, eu dava a cara e me entregava pelo Corinthians", disse Yuri Alberto, à Corinthians TV.


"Foi um momento muito difícil, depois do ocorrido no jogo do São Bernardo, fui procurar ajuda. Tive que ter muita sabedoria e paciência pelo o que aconteceu. Esse trabalho tem sido muito importante, acho que todo jogador tem que ter isso"

Publicidade


"Quando falavam de psicólogo, a gente já pensa que é para maluco, doido da cabeça, mas nada a ver. Eu tenho muita dificuldade de expressar os sentimentos que estou passando, nesses momentos eu me retraía, guardava tudo. Acho qualquer jogador que tiver uma pessoa a assim com você, é muito importante. Você joga tudo para fora. As coisas estão fluido bastante, melhor fase está voltando."


O QUE MAIS YURI DISSE


Superação: "Saía de campo chateado, sei o que posso entregar, saía de campo pensando: 'O que está acontecendo que as coisas não estão fluindo?'. Estava indo em cultos, tinha fé que ia passar por essa".


Apoio do Corinthians: "Vestir a 9 do Corinthians, o Ronaldo já vestiu, responsabilidade muito grande. Isso aqui é Corinthians. Esse carinho que têm comigo, mesmo no momento mais difícil que passei, muitos criticavam, mas muitos acreditavam. Só agradecer a esses que seguraram até o fim".


Imagem
Brasileirão 2024 chega como tira-teima na discussão sobre gramado sintético
O Brasileirão 2024 começa neste sábado (13) já com um assunto pendente para as próximas edições: o gramado sintético é prejudicial à saúde dos jogadores?
Publicidade
Publicidade

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade