Pesquisar

Canais

Serviços

- AEN
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Feira do produtor

Sabores do PR na ExpoLondrina

Redação Bonde
31 dez 1969 às 21:33
Continua depois da publicidade

Pelo segundo ano consecutivo a Feira Sabores do Paraná, edição Londrina, acontece no maior evento agropecuário da região norte do Estado, a ExpoLondrina – 2009. Instalada numa área de 1.100 metros quadrados, no Pavilhão Internacional, a Feira oferece aos visitantes um mix de produtos com mais de 1.000 itens, de origem animal e vegetal, orgânicos e convencionais, congelados e refrigerados. São 70 agroindústrias familiares de diversas regiões do Estado, agregando cerca de 150 famílias. O evento é organizado pela Secretaria da Agricultura e Emater, em parceria com a Sociedade Rural do Paraná.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Nesta edição, além dos já tradicionais e conhecidos produtos como as conservas, temperos e condimentos, as geléias, doces e compotas, além dos queijos e defumados, a Feira tem novidades em geléias, e também em massas congeladas (de nhoque, panqueca e lasanha), tendo como matéria-prima a soja.

Continua depois da publicidade


Esta é a primeira vez que Irineu Sanches participa de uma Feira Sabores do Paraná. Há um ano neste segmento, o agroempreendedor resolveu partir para a produção de massas com soja porque sentiu que as pessoas estão cada vez mais procurando alimentos saudáveis e que faltava este tipo de produto, pronto, no mercado. "São pratos saborosos, sem aquele gosto característico da soja, e as pessoas quando experimentam, aprovam", disse Irineu. O fabricante mora em Cambé, e desde o ano passado reforça a merenda escolar do município, uma vez por mês, com seus produtos. De acordo com ele, antes das massas serem incluídas na merenda houve um teste de degustação com os alunos e a aceitação foi de mais de 90%.


Na Feira ele oferece três tipos de massas: nhoque, lasanha e panqueca, em embalagens de 650 gramas, que custam R$ 7,00. As lasanhas são encontradas com tipos diferentes de recheios, carne bovina com soja, frango com soja, e vegetais com soja. "Espero que o público presente à feira goste dos nossos produtos. Não tenho ideia de quanto posso vender. Como é a primeira vez, quero mais é divulgar, que os visitantes conheçam, mas se aprovarem tenho estrutura suficiente para atender a todos", destacou. Na agroindústria, além de Irineu, trabalham sua esposa e mais cinco funcionários.


No espaço da Feira estão disponíveis ainda o artesanato rural de Araucária e de Antonina, e o artesanato indígena da Reserva Apucaraninha, inclusive com oficinas que vão ensinar a fabricar balaios. Os visitantes também vão encontrar peças confeccionadas com peles de avestruz, de tilápia, e de ovinos, bem como carnes nobres de ovinos e de avestruz.

Continua depois da publicidade

De acordo com Abdel Naser, coordenador do Programa de Agroindústria Familiar – Fábrica do Agricultor, da Secretaria da Agricultura, a expectativa é que 50 mil pessoas passem pelo pavilhão, durante os dez dias de feira. "A ExpoLondrina deve receber um público estimado de 500 mil pessoas, e acreditamos que pelo menos 10% desse total passem pela Feira Sabores do Paraná", adiantou o coordenador.


Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade