Pesquisar

Canais

Serviços

Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade

Poemas de amor: Amaury Nogueira, Flavia Ferrari, Isabel Furini, Daniel Mauricio, Vanice Zimerman e Angela Dondoni

12 jun 2022 às 18:55
Continua depois da publicidade

Eclipse do amor
Hoje lua de fogo
Eclipse mais uma vez
uma nuvem ofuscou
meu olhar!
Amaury Nogueira 

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Acadêmico da Avipaf

Continua depois da publicidade

*

Giro

Procuro um amor de verão
Quente e úmido
Iluminado e musical
Com pouco tecido
E sabor de feriado
.
Caso não o encontre nesta estação
Posso esperar que a temperatura baixe
Que o vento movimente a paisagem
E quiça o calor dos nossos corpos
Dispense o cobertor
.
Se surgir um amor de travessia
Desses que caminham por diferentes temperaturas
Desejo que acertemos na bagagem
.
Que seja leve e contenha o essencial
Com uma pequena dose de supérfluo
Para agitar os momentos são
Flavia Ferrari

*

Continua depois da publicidade

Antigo amor

a chuva e a vida

escorregam pelos vidros da janela

o vento sibila canções ciganas

que falam de amores

e de traições

ao som das castanholas

são desenhadas

(na geografia da memória)

antigas coreografias

que contam

a história dos beijos

na casa de praia

(hoje abandonada)

uma história de amor

foi escrita com passos de dança

sobre a areia da praia

uma história de beijos e danças

– sem palavras.

Isabel Furini

Acadêmica da Avipaf

*

Poema sem título

O amor
Não faz perguntas
Pois já tem as respostas
Dentro de si.

Daniel Mauricio

Acadêmico da Avipaf

*

 Memórias e Aquarelas
Madrugada chuvosa -
Nossas almas se encontram
Lençol em desalinho...
Memórias de seda
Tuas ondulações
Deságuam em mim -
A desenhar contornos
Sutis traços - dos teus lábios
Entre minhas doces linhas
Nossas entrelinhas...
- Cumplicidade -
Corações unidos em sublime
E, incandescente paleta
Notas de Amor e Sedução
Inesquecíveis aromas;
Nesse mesclar
De realidade e sonhos
Memórias em aquarelas
Teus desejos e segredos
Aconchegam - se
À minha pele -
Macia porcelana
Pétala...
 Vanice Zimerman
AVIPAF Acadêmica da AVIPAF -  Cadeira 16
*
 O AMOR
O amor não é efêmero
Não é escultura de areia
Não é flor de pessegueiro
Não é canto de sereia
Não é mês de fevereiro
Mas…
É chuva que cai certeira
É a paciência do jardineiro
É a mesa posta pra ceia
É o fogo que aquece o ano inteiro
Angela Dondoni
31/05/22

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade