Pesquisar

Canais

Serviços

- Divulgação
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
CRIME BRUTAL

Menina yanomami de 12 anos morre depois de ser estuprada por garimpeiros

Redação Bonde com Ansa Brasil
27 abr 2022 às 11:32
Continua depois da publicidade

Uma menina yanomami de 12 anos morreu depois de ser estuprada por garimpeiros em uma comunidade na região de Waikás, na terra Indígena Yanomami.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE


A informação foi divulgada pelo G1 e confirmada na noite de segunda-feira (25) pelo presidente do Conselho Distrital de Saúde Indígena Yanomami e Ye'kwana (Condisi-YY), Júnior Hekurari Yanomami.

Continua depois da publicidade


No vídeo, Hekurari disse que a menina de 12 anos estava sozinha na comunidade quando os garimpeiros chegaram e a levaram para as barracas deles. O corpo da criança deve ser encaminhado ao IML (Instituto Médico-Legal ), em Boa Vista (RR).


Além da morte da menina, uma outra criança yanomami, de cerca de 3 anos, desapareceu após cair no rio Uraricoera. De acordo com relatos, o crime teria ocorrido na comunidade Aracaçá.


A área onde o crime ocorreu é uma das mais atingidas pela invasão de mineradores ilegais. Na semana passada, a Hutukara Associação Yanomami já havia denunciado a violência sexual contra meninas e mulheres ianomâmi cometida por garimpeiros.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade