Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
TRAVESSA BELO HORIZONTE

Com risco de desabamento, justiça determina que barracão seja demolido em Londrina

Pedro Marconi - Grupo Folha de Londrina
21 fev 2024 às 14:58
- Pedro Marconi/Folha de Londrina
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O juiz Marcus Renato Nogueira Garcia, da 2ª Vara de Fazenda Pública de Londrina, determinou que os responsáveis pelo barracão que fica na esquina da travessa Belo Horizonte com a rua Paraíba, no centro da cidade, realizem a demolição da estrutura ou adotem outras medidas que anulem a possiblidade de desabamento. O prazo é de dois meses para a solução do problema, a partir da intimação sobre a decisão, que foi proferida por meio de tutela emergencial na última segunda-feira (19).


Após fiscalização, a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil identificou o risco de o imóvel vir abaixo, “podendo comprometer a integridade física de pedestres e passageiros de veículos que transitam” pela região. Por conta desta possibilidade, a travessa foi bloqueada para trânsito de pessoas e carros entre a rua Paraíba e a avenida Leste-Oeste em novembro do ano passado.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Barreiras de concreto foram instaladas de um lado da via para impedir a circulação, enquanto que do outro foram colocadas faixas de isolamento e uma placa, que já estão no chão. “É ruim do jeito que está hoje, porque tem o risco de cair e ninguém consegue passar. Tem que dar uma volta para chegar na Leste-Oeste, por exemplo”, constatou o estudante Rafael Ferrraz.

Leia mais:

Imagem de destaque
Contrabando

Em Rolândia, PF e PM encontram drogas em veículo puxado por caminhão guincho

Imagem de destaque
Obituário

Falecimentos dos dias 19 e 20 de abril de 2024 em Londrina e região

Imagem de destaque
12P/Pons-Brooks

'Cometa do Diabo' poderá ser visto no Brasil neste domingo; veja dicas para observar

Imagem de destaque
Nova Friburgo

Professora grampeia bilhete em uniforme de criança de 5 anos no Rio


O imóvel é alvo de uma ação judicial de espólio, ou seja, os herdeiros ainda discutem na Justiça. O juiz indicou uma multa diária de R$ 500, chegando ao valor máximo de R$ 30 mil, caso os donos não adotem as medidas de segurança elencadas. “A multa serve como um estímulo para que o proprietário não atrase o cumprimento das medidas”, observou João Luiz Martins Esteves, procurador geral do município e secretário municipal de Governo.


CONTINUE LENDO NA FOLHA DE LONDRINA

Imagem
Justiça determina que barracão na travessa Belo Horizonte seja demolido
Quarteirão está interditado desde novembro do ano passado pelo risco da estrutura desabar na rua, no centro de Londrina
Imagem
Justiça Eleitoral está preparada para combater fake news, afirma juíza de Londrina
Questionada sobre a atuação da Justiça Eleitoral na preparação do pleito, Catafesta ressalta que o trabalho é “ininterrupto” e que, ao seu lado, uma juíza e dois juízes estão à frente das outras zonas eleitorais da
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade