Pesquisar

Canais

Serviços

- Riot Games/Divulgação
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Entrevista exclusiva

Conheça brTT, o "bad boy" que transformou o League of Legends no Brasil

Victor Lopes - Grupo Folha
05 set 2017 às 10:38
Continua depois da publicidade

Um carioca marrento, tatuado, talentoso, sem papas na língua, ídolo de uma geração. A descrição poderia ser de um jogador de futebol no auge da carreira, mas está longe disso. Como muitos boleiros, Felipe "brTT" Gonçalves também carrega o estereótipo de "bad boy", mas em outro esporte, ou melhor, eSport.

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

O rapaz de 26 anos é a representação do que se tornou o League of Legends (LoL) no País e no mundo. Um game popular, que ultrapassou a barreira do "quarto dos nerds", superou clichês e hoje é transmitido nos principais canais esportivos do planeta, como ESPN, SporTV, entre outros. Mais do que isso, no último dia 2 de setembro a final do CBLoL reuniu 10 mil pessoas no ginásio do Mineirinho, milhares nos cinemas e milhões pela internet.

Continua depois da publicidade


Atualmente na equipe Red Canids, brTT não participou da final, foi eliminado na etapa anterior. Isso não tira a grandeza do atleta, já que ele é um dos principais responsáveis pelo LoL estar no atual patamar no País. Ele já está quase uma década no cenário! Confira no vídeo a entrevista exclusiva que o Grupo Folha fez com o atleta, suas histórias, relação com fãs, os haters e, claro, seu futuro no eSport.


Continue lendo