Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade

Falta água em Curitiba

Rosana Félix - Folha do Paraná
18 ago 2001 às 13:28
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade
Devido ao corte de Sanepar, que realiza obras de manutenção na rede de abastecimento, o sistema só volta ao normal ao meio-dia do domingo. Muitas pessoas reclamaram de não recebimento do aviso de interrupção do fornecimento.
A cabelereira Zélia Rita Vieira, proprietária de um salão de beleza no Bairro Alto, em Curitiba, contabilizou prejuízos de R$ 250,00 devido ao corte de água e da luz, que também ocorreu em alguns bairros. "Não tenho como atender a ninguém", afirmou. Ela disse estar indignada com a medida. "Sábado é o dia em que eu mais tenho movimento. É uma falta de consideração", desabafou.
A micro-empresária Eliana de Oliveira contou que só soube da falta de água através da imprensa, na sexta-feira. "Ninguém avisou nada. Ainda bem que eu estava vendo televisão e guardei água para mais tarde", relatou. Ela armazenou água em baldes e na máquina de lavar roupa. ''Estou correndo contra o tempo para dar tempo de limpar tudo, já que durante a semana não dá'', completou. Para ela, a Sanepar poderia programar cortes nas residências durante os dias úteis.
Na casa da bancária Evani Nardi ninguém sabia do corrte de água. Ela disse que durante toda a semana havia gente em sua residência e não houve nenhum comunicado da Sanepar. "Estava aproveitando para limpar a casa, mas não sabia de nada. O corte atrapalha bastante, principalmente para pessoas como eu, que trabalham a semana inteira e só tem o fim-de-semana para cuidar da casa", afirmou.
A Sanepar começou hoje a reforma na unidade elétrica da Barragem do Iraí, responsável pelo abastecimento de 70% da Região Metropolitana de Curitiba. Por causa disso também ocorreu o corte de luz para pelo menos 300 mil pessoas. A empresa também realizou obras na rede localizada entre Curitiba e São José dos Pinhais.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade