Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Com 27 dos 52 votos

Fabio Camargo é eleito conselheiro do Tribunal de Contas

Redação Bonde com Alep
16 jul 2013 às 08:59
- Sandro Nascimento/Alep
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

O deputado Fábio Camargo (PTB) foi eleito na noite desta segunda-feira (15) para o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) na vaga aberta com a aposentadoria de Hermas Brandão. Ele teve 27 votos contra os 22 dados ao seu colega Plauto Miró Guimarães (DEM), 1º secretário da Mesa Executiva. Os dois deputados que disputavam o posto se abstiveram de votar. O advogado Tarso Cabral Violin recebeu dois votos e Paulo Drabik, um. Vários postulantes acompanharam a sessão nas tribunas de honra

Terminada a apuração pela Comissão Especial que coordenou todo o processo de eleição, o presidente Valdir Rossoni (PSDB) anunciou o resultado e colocou em votação o projeto de decreto indicando o vencedor, que foi aprovado e será agora publicado no Diário Oficial da Assembleia. A posse do novo conselheiro será definida nos próximos dias.

Sessão especial –
A sessão foi aberta por Rossoni às 17 horas. Ele passou a palavra ao 2º secretário, deputado Ademir Bier (PMDB), que fez a leitura da ata da última sessão especial de eleição para o TC, ocorrida em 2012 e na qual foi eleito o ex-deputado Durval Amaral. Plauto Guimarães levantou uma questão de ordem para informar que ele e Fábio Camargo abriam mão de seus votos para dar maior transparência e legitimidade ao procedimento.

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade


O presidente ainda fez um breve relato das várias etapas do processo de escolha e de seu suporte legal, referindo-se ao número de 45 inscritos e às quarenta candidaturas homologadas, que já haviam sido lidas pelo 2º secretário. Finalmente abriu a possibilidade de inscrição para os deputados que desejassem fazer uso da Tribuna. Nenhum se inscreveu, permitindo que a votação tivesse início imediatamente.

Leia mais:

Imagem de destaque
Veja as seis praças

Prefeito de Cambé sanciona lei que proíbe consumo de bebidas alcoólicas em praças públicas

Imagem de destaque
Tentativa de homicídio

Lula diz que violência é abominável, mas Trump vai tentar tirar proveito de atentado

Imagem de destaque
Transparência

Tribunal de Justiça rejeita pedido para omitir gratificações pagas a juízes do Paraná

Imagem de destaque
Redes sociais

Lula diz que big techs lucram com disseminação do ódio e que vai retomar debate sobre regulação

Todo o procedimento durou pouco mais de uma hora. O primeiro voto apurado e anunciado pelo presidente da Comissão Especial, deputado Elio Rusch (DEM), foi para Plauto. Findo o escrutínio e constatando-se a eleição de Camargo por maioria absoluta, Rossoni anunciou o resultado, colocou em votação o projeto de decreto e encerrou os trabalhos.


Publicidade

Últimas notícias

Publicidade