Pesquisar

Canais

Serviços

- Maura Mello
Continua depois da publicidade
Continua depois da publicidade
Confira

Portas e rodapés: elementos versáteis e elegantes

Redação Bonde com Assessoria de Imprensa
01 jun 2022 às 19:52
Continua depois da publicidade

As portas e os rodapés representam uma dupla imbatível em qualquer projeto, pois alteram completamente a decoração e a atmosfera dos ambientes. Com papéis fundamentais, as portas são consideradas verdadeiros “cartões de visita” do lar, enquanto os rodapés são comparados à moldura de um quadro. O fato é que ambos contribuem para que os espaços fiquem mais harmônicos e, ainda, têm função protetora para a casa e seus moradores. Hoje, as arquitetas Danielle Dantas e Paula Passos, do escritório Dantas & Passos Arquitetura aproveitam para explicar melhor a importância desses elementos e porque devem ser pensados logo no início de reforma. Confira!

Continua depois da publicidade
PUBLICIDADE

Portas

Continua depois da publicidade

As portas são essenciais e queridinhas em um projeto de arquitetura! Proporcionam privacidade e segurança aos moradores, ventilam e iluminam o local, além de permitirem a passagem e circulação entre os ambientes. Por isso, exigem atenção, bom planejamento e dimensionamento correto. São consideradas os cartões de visita de casas ou apartamentos, pois representam o primeiro contato com os convidados, podendo até mesmo ganhar o protagonismo. A escolha adequada do modelo irá refletir nos ambientes, que poderão ser modernos, coloniais, clássicos, limpos, contemporâneos, divertidos, aconchegantes, discretos, industriais etc.


Para fazer a escolha certa, a porta precisa fazer parte do conjunto geral do projeto. Sua altura deve ser estudada de acordo com a proporção de cada ambiente, além das percepções desejadas o espaço. Por exemplo, os modelos mais altos, promovem uma sensação de amplitude, já portas com vidro permitem a entrada de mais luminosidade e portas de madeira natural trazem mais aconchego e um ar mais rústico.

Continua depois da publicidade

Entre os materiais mais comuns estão: madeira, mdf, alumínio, vidro e aço. Ainda podem receber acabamentos como pinturas coloridas, revestimentos em couro ou tecidos. É importante observar as características específicas de cada material e onde serão usados, como exemplo, as portas externas que ficam expostas às intempéries. 

Rodapés

Todas as paredes precisam de um acabamento funcional, assim como de um detalhe estético que contribua para o projeto. Dessa forma, os rodapés auxiliam, no intuito de camuflar possíveis imperfeições decorrentes das junções entre paredes e pisos, além de evitarem infiltrações e o acúmulo de sujeira.


A escolha do melhor rodapé pode variar. Para a definição, há a necessidade de conhecer os tipos existentes no mercado. Além da predileção por usar o mesmo revestimento do piso, outras sugestões consistentes são o PVC, poliestireno ou o MDF. Também existem materiais que oferecem soluções específicas para cada cliente, como os rodapés mais modernos com perfis de luz.

“O rodapé 444 é um dos mais utilizados. Clássico, sua linha é composta por produtos como guarnições, rodameios, rodatetos, entre outros, que são ecológicos e sustentáveis. Já os rodapés metálicos são utilizados para trazer luz em um cômodo específico, além de muito resistentes”, dizem as profissionais.


Segundo as arquitetas, não existe uma altura correta para rodapés! Mas, como parâmetro, elas atribuem uma altura média entre 15 e 20 cm para o rodapé, no entanto tudo vai depender de cada projeto. “

Um rodapé mais baixo permite que a atenção seja mais voltada para o piso, enquanto sua aplicação em uma altura mais elevada, faz com que o rodapé acabe se destacando mais”, 

contam.

Continue lendo

Últimas notícias

Publicidade