Pesquisar

Canais

Serviços

Publicidade
O que não fazer

10 erros em obras que geram prejuízos: saiba como evitar!

Redação Bonde
09 fev 2024 às 10:00
- Getty Images
siga o Bonde no Google News!
Publicidade
Publicidade

A falta de planejamento, cuidados e comunicação são alguns dos fatores que mais atrapalham na hora de realizar aquela obra tão desejada. 


Planejar uma obra, seja ela do zero ou uma reforma, exige muitos passos. Pode parecer óbvio, mas não cometer erros ajuda o morador desfrutar de um ótimo resultado, dentro de um período e orçamentos previstos. 

Cadastre-se em nossa newsletter

Publicidade
Publicidade


Muitos temores assombram as pessoas que decidem começar uma nova obra, problemas a serem resolvidos, desgostos e o medo de estourar o orçamento. E, de fato, esses temores podem acontecer, mas a boa notícia é que esse cenário pode ser evitado. 

Leia mais:

Imagem de destaque
Entenda

'Quadro psicótico', diz Vanessa Lopes ao falar sobre o que a fez sair do BBB

Imagem de destaque
Eleições 2024

Justiça Eleitoral está preparada para combater fake news, afirma juíza de Londrina

Imagem de destaque
Alerta

Idosos e crianças fazem parte dos grupos de risco para dengue grave

Imagem de destaque
Treta

Polícia indicia mulher, amante e cúmplice por falso sequestro no Paraná


Em muitas obras pequenas e até grandes muitos equívocos prejudicam a estética dos projetos, a funcionalidade almejada e, até mesmo, a durabilidade das construções. Porém o mais grave é quando o erro realizado na obra compromete a edificação.

Publicidade


A arquitetura demanda uma alta atenção aos detalhes, desde o conceito inicial até o término da execução. Por isso separamos dez erros que podem ser prejudicial a sua obra ou reforma, acompanhe:


Publicidade

1 - ZELAR SEMPRE 


Um lugar em obras não implica no descuido com aquilo que já existe de bom nas instalações. Elementos como janelas, portas e pisos precisam ser protegidos para evitar batidas que danifiquem aquilo que não precisará ser trocado. 

Publicidade


Isso vale também para os mobiliários e eletrodomésticos: seja em uma mudança ou quando estão no local, devem ser corretamente acomodados.

Publicidade


2 - FALTA DE ACOMPANHAMENTO 

Publicidade


A organização e a limpeza durante a obra promovem um ambiente mais agradável e até eficiente para todos os envolvidos, incluindo moradores e trabalhadores. Isso cria um clima positivo e de organização, melhorando as relações interpessoais e contribuindo para uma solução satisfatória. 


Publicidade

A ausência da gestão da obra e do acompanhamento profissional para conferir o trabalho realizado pelas equipes de mão de obra, pode desencadear um descompasso delicado para ser resolvido. Intercorrências que podem acontecer durante o processo e o olhar do arquiteto para resolver as situações e elencar a sequência das etapas resulta apenas em benefícios.


3 - AUSÊNCIA DE PROJETO 


Uma obra sem projeto é fadada à muitas falhas. Interpretado como um mapa, o projeto é também um documento que registra e descreve tudo o que deve ser feito e que coopera para a prevenção de problemas, sem ele é impossível ter o controle de tudo.


4 - PROJETO ARQUITETÔNICO 


O projeto arquitetônico promove a unidade no trabalho realizado pelos empreiteiros e o profissional.


Projetar envolve várias revisões até alcançar o formato ideal, todos precisam falar o mesmo idioma durante a obra, incluindo o proprietário.


Imagem
Conheça cinco motivos para adquirir bens vendidos em leilões
O universo dos leilões proporciona muitas opções, que vão desde obras de arte a veículos e propriedades, com aquisições mais acessíveis e vantajosas


5 - ARGAMASSA


Com a expansão do setor de revestimento cerâmico e porcelanato, que entrega altíssima qualidade e um leque completíssimo de estampas, o material para assentamento também evoluiu.


Dessa forma é nescessário conferir a qualidade não só do porcelanato como também da argamassa, e sua composição, geralmente indicada nas instruções do fabricante, assim como a quantidade correta para a aderência. Essas precauções evitam que um item de tanta durabilidade apresente o descolamento em curto e médio prazo.


6 - APLICAÇÃO DO REJUNTE 


Mesmo quando as juntas são mínimas, a partir de 1 ou 2mm, é importante atentar para o tipo do rejunte. Ambientes secos são diferentes dos com umidade, que pedem rejunte acrílico. Locais com muita movimentação pedem rejunte epóxi. Então, a compra da tipologia certa e a atenção redobrada na aplicação são essenciais para o bom funcionamento da obra ou reforma.


7 - REVESTIMENTOS INADEQUADOS


Locais como cozinha e churrasqueira, por exemplo, são impactados pela gordura e, em função disso, pedem por revestimentos não porosos e de fácil limpeza. A mesma dinâmica deve ser pensada nos banheiros, evitando a especificação de pisos escorregadios, como forma de mitigar o risco de acidentes e, em locais de grande impacto, como as garagens, um piso de alta resistência. 


8 - COERÊNCIA NAS ETAPAS 


Não adianta pintar uma parede que ainda terá passagem de fiação, pois com certeza ficará suja depois. Seguir as etapas no tempo certo acaba sendo fundamental para evitar transtornos.


9 - BANHEIROS 


Usar gabinetes não resistentes às áreas molhadas e úmidas costuma inchar e estragar com o tempo de uso.


10 - COMUNICAÇÃO 


A obra envolve muitas pessoas, e a interação e clareza entre todas as partes é primordial, ocorrendo como a sintonia de uma orquestra: cada equipe à frente de uma atividade precisa saber o seu papel, e o seu momento.


Imagem
Polícia Civil orienta população sobre golpe do falso aluguel antes do Carnaval
Turistas e moradores do Litoral do Paraná estão sendo orientados pela Polícia Civil sobre como prevenir e o que fazer em casos do golpe do falso aluguel. Em época de carnaval as praias ficam mais cheias e os estelionatários se aproveitam dessa situação.
Publicidade

Últimas notícias

Publicidade